Copa 2018

CBF banca helicópteros na Granja por agilidade e conforto a boleiros

Pedro Martins / MoWA Press
Neymar, Douglas Costa e Thiago Silva chegam de helicóptero à Granja Comary Imagem: Pedro Martins / MoWA Press

Danilo Lavieri, Dassler Marques e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Teresópolis

21/05/2018 17h25

O barulho de helicóptero virou rotina no primeiro dia de apresentação dos jogadores da seleção brasileira na Granja Comary. Por agilidade no deslocamento e para dar conforto aos atletas, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) resolveu bancar os voos para que os convocados para a Copa do Mundo fizessem o trajeto entre Rio de Janeiro e Teresópolis.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

Com o investimento que não teve cifras reveladas, a comissão técnica poupa os atletas de um sinuoso trajeto que dura mais de uma hora na serra que liga a capital do Estado à cidade-sede da seleção que fica a mais de 800 metros de altitude. Neste primeiro dia, quatro deslocamentos já foram feitos e mais um está previsto para o período da noite.

Apenas Danilo e Taison não chegaram “pelos ares”. Neymar, Douglas Costa, Renato Augusto, Thiago Silva e Marquinhos são exemplos dos atletas que usaram o transporte e desembarcaram em um heliponto que fica a metros de distância da entrada do centro de treinamento da CBF.

“Eu sugeri essa dinâmica levando em consideração que cada minuto que os atletas pudessem chegar antes por aqui seria melhor. Muitos atletas chegaram diretamente dos seus países e muitos nem sempre saem de grandes centros. Eles chegam de uma cidade pequena, vão para um grande centro e só depois conseguem chegar ao Rio. E depois disso precisariam pegar ônibus ou van”, explicou o coordenador de seleções, Edu Gaspar.

A novidade gerou questionamento sobre uma eventual barreira de contato entre os atletas e os moradores da cidade. O dirigente fez questão de negar essa intenção.

“Nas nossas contas, alguns atletas demorariam até 17 horas para chegar aqui. E eu pensei onde eu poderia encurtar isso. Criei essa possibilidade, mas nada contra as pessoas de Teresópolis que pudessem acompanhar o trajeto deles”, completou.

GRANJA COMARY PASSOU POR REFORMA PARA A COPA 2018; VEJA COMO FICOU

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo