Copa 2018

Mãe vê CR7 como ator após adeus ao futebol: "Gostaria que fizesse um filme"

Denis Doyle/Getty Images
Cristiano Ronaldo e a mãe Dolores Aveiro Imagem: Denis Doyle/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

21/05/2018 15h05

Dolores Aveiro já vê um futuro para Cristiano Ronaldo após o astro se aposentar dos gramados. Questionada sobre o futuro do jogador, a mãe do astro português afirmou que gostaria de assistir o filho nas telonas.

"Eu acho que ele dava para ator. Gostaria que ele fizesse um filme", disse, em entrevista à ESPN Brasil nesta segunda-feira (21).

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

Apesar de planejar o futuro, Dolores também falou sobre um grande drama, contado também no livro 'Mãe Coragem', lançado em 2014 em Portugal, e que será vendido no Brasil neste ano. A matriarca relembrou os momentos em que quase abortou o atacante do Real Madrid. 

"Eu tinha 30 anos e já tinha 3 filhos. Eu pensei, o que vou fazer com outra criança? Contei à minha irmã, que era a pessoa com quem mais conversava. Ela dizia que tomar uma cerveja preta e tomar chás faria bem (para abortar). Resolvi ir ao médico e falei que gostaria de abortar. Ele falou que não iria fazer porque eu era muito nova e esse menino me daria uma alegria. Quando eu dei à luz, foi uma alegria. Como tinha bebido muito chá, tinha dúvidas se viria perfeito. O médico estava ao meu lado e me disse que estava tudo perfeito. Ele falou que esse bebê tem pés de jogador de futebol", recordou.

Dona Dolores, conhecida também pelos pratos que produz na cozinha, revelou qual a comida predileta de Cristiano Ronaldo e o que ele faz em seus momentos livres. "Uma coisa que ele gosta é um bacalhau à braz (iguaria com cebola, batata palha, presunto e ovos). Ele também brinca muito com os filhos e a vida dele é esta. "

A mãe relembrou quais foram as maiores emoções que passou com o filho de 33 anos. "O momento mais triste foi quando trouxe Ronaldo para Lisboa e voltei para minha terra para deixá-lo sozinho aqui. O mais feliz foi quando vi meu filho ganhar pela primeira vez a Bola de Ouro".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo