Copa 2018

Fred evita falar de ida ao United e usa Gilberto Silva como inspiração

Pedro Martins / MoWA Press
Fred concede entrevista coletiva na Granja Comary Imagem: Pedro Martins / MoWA Press

Danilo Lavieri, Dassler Marques e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Teresópolis

24/05/2018 18h50

Na mira do Manchester United, Fred evitou falar de uma possível transação. O meio-campista usou o tradicional discurso com frases como “estou focado na Copa do Mundo” e “meus empresários vão resolver”, mas deixou claro que dificilmente seguirá no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

Mais de uma vez, ele usou palavras de agradecimento ao clube, aos companheiros e treinadores. Nesta quinta-feira (24), a "Sky Sports" noticiou que a sua transferência será fechada na casa dos 50 milhões de euros (R$ 212 milhões).

“As conversas estavam avançadas desde janeiro em uma possível transferência para o City. Depois, o City e o United passaram a conversar com o clube e com meus agentes. Hoje teve uma notícia forte lá do United. Estou com cabeça na Copa e vou deixar com meus empresários”, afirmou.

Um dos membros do estafe do atleta é o ex-jogador Gilberto Silva. Pentacampeão em 2002, o ex-meio-campista agora trabalha no ramo de agenciamento e tem sido conselheiro de Fred nestes momentos de dúvida sobre o futuro.

A Copa do Mundo também é assunto entre eles. “O Gilberto Silva conquistou a vaga em 2002. Infelizmente foi com a lesão de um companheiro, mas ele jogou toda a Copa e sempre conversa comigo. Ele fala que é só manter a cabeça erguida, trabalhar e mostrar que eu vou aproveitar quando tiver a chance. Ele é um cara muito tranquilo e está trabalhando com esse assunto de transferência”, completou.

Fred foi um dos convocados que menos esteve nas listas anteriores de Tite e conseguiu garantir o seu espaço após ter ido muito bem nos treinamentos de março. Embora tenha jogado apenas dez minutos contra a Rússia, ele chamou a atenção do comandante por desenvolver um ótimo trabalho entre as áreas.
Para ele, é também essa característica que o coloca na mira de grandes treinadores como Pep Guardiola, do City, e José Mourinho, do United.

“É uma honra chamar a atenção de grandes treinadores. Eu acho que tenho uma vitalidade dentro de campo, sou polivalente e posso jogar nas duas posições do meio. Alguns treinadores precisam disso, então eu acho que [essa característica] chama a atenção e é um ponto importante para mim. Também tenho um bom passe e isso me ajuda”, finalizou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo