Copa 2018

Torcida invade treino da seleção na Granja Comary e grita "7 a 1"

Danilo Lavieri, Dassler Marques e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Teresópolis (RJ)

25/05/2018 16h45

O treino aberto da seleção brasileira contou com uma invasão de cerca de 20 torcedores na Granja Comary, em Teresópolis (RJ). Os fãs quebraram as grades de proteção que impediam o acesso aos campos e partiram em disparada rumo ao local em que os jogadores treinavam.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

Em meio à confusão, os seguranças conseguiram conter uma parte da torcida. Aglomerados, os fãs começaram a provocar a seleção brasileira. “Uh, uh, é 7 a 1” passou a ser gritado, em referência à goleada sofrida para a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo de 2014.

Para conter o público que forçava a entrada, os seguranças chegaram a pedir ajuda de funcionários que fazem a manutenção da Granja Comary. Cozinheiros, jardineiros e outros profissionais foram “escalados” para reforçar a segurança.

O treino desta sexta-feira (25) foi o único aberto para a torcida na Granja Comary. A entrada dos fãs, porém, saiu do controle e gerou tumulto na porta do Centro de Treinamento.

À frente do centro de treinamento onde trabalha a seleção, a Polícia Militar foi chamada para tentar controlar o acesso diante de torcedores mais exaltados. Cerca de 400 pessoas, incluindo crianças, foram ao local, bloqueando o acesso ao condomínio.

Em seguida, com a situação mais controlada, alguns jogadores, como o atacante Neymar e o meia Willian, se aproximaram do público para distribuir autógrafos e tirar fotos. 

Parabéns a Tite e papo com Dadá Maravilha

Dassler Marques/UOL
Imagem: Dassler Marques/UOL

Tite também se aproximou dos torcedores e foi recebido com coro de "Parabéns para você", em homenagem ao aniversário de 57 anos do treinador, comemorado nesta sexta. No meio da multidão, uma presença ilustre: o ex-atacante Dario, o Dadá Maravilha, campeão mundial com a seleção brasileira na Copa de 1970, no México.

Separados por uma grade, Tite e Dadá trocaram um abraço fraternal e conversaram rapidamente. “Já falei com Gerson, com Zagallo... Agora vou trazer os atacantes para colocarem a mão em você. Vai todo mundo fazer mais gol”, brincou o treinador. "Pode trazer. Ensino o queixo no peito e o queixo no ombro. Fico até humilde com eles”, respondeu Dario.

Para tentar evitar aglomerações, a CBF só confirmou a atividade aberta ao público nesta sexta-feira, naquele que será o único contato neste ano da seleção com a torcida antes do embarque para a Copa do Mundo. A atividade de sábado será novamente fechada.

Até a última quinta-feira (24), apenas patrocinadores da entidade puderam acompanhar os atletas mais de perto, casos da companhia aérea Gol e do banco Itaú, presentes nos treinos de quarta e quinta.

A seleção treina na Granja Comary até a manhã deste sábado e depois libera os jogadores até domingo, quando eles se reúnem no Rio de Janeiro e seguem para Londres, onde a equipe dará prosseguimento na preparação para a Copa do Mundo.

A programação de Tite para o treinamento

A atividade durante aproximadamente 75 minutos e teve, na maior parte do tempo, o grupo dividido em dois. Em um campo, foi feito um trabalho de ataque contra defesa. No outro, Tite separou uma equipe apenas e, com a ajuda de bonecos que simulavam adversários, trabalhou a circulação de bola na chegada à frente. Neymar, que se recupera de cirurgia no pé direito, atuou com esse segundo grupo. Nos minutos finais, a seleção brasileira se juntou para trabalhar bolas paradas. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo