Brasil

Afinal, quem é de esquerda vai usar a camisa amarela da seleção?

J. Duran Machfee/Futura Press/Estadão Conteúdo
Torcedores identificados com a esquerda se dividem sobre usar ou não camisa que virou símbolo de manifestações pró-impeachment Imagem: J. Duran Machfee/Futura Press/Estadão Conteúdo

Bruno Freitas e Daniel Lisboa

Do UOL, em São Paulo

14/06/2018 04h00

Usar ou não a camisa da seleção brasileira nesta Copa do Mundo? Talvez nunca antes na história deste país a pergunta causou tanto debate.

Brasil estreia às 15h deste domingo; veja a tabela
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
Super-heróis: Marcelo sofreu com 7 a 1 e ganhou peso

O uso em massa do uniforme canarinho, e das cores verde e amarela, nos protestos pelo impeachment da presidente Dilma em 2015 e 2016, transformou a camisa do Brasil no símbolo involuntário de um dos espectros políticos.

Para muita gente que se identifica com a esquerda, ficou difícil desassociar uma coisa da outra. O resultado prático deste fenômeno, porém, ainda é difícil de avaliar. A Netshoes, por exemplo, informou que suas lojas virtuais registraram um crescimento de 80% nas vendas da camisa da seleção em maio, na comparação com abril.

Já a Nike informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que a venda de camisas dobrou nos dias logo após o lançamento do uniforme, quando comparada ao mesmo período de 2014. 

Se esses números mostram que o apelo comercial da camisa não foi afetado pela polarização política, dados mais detalhados podem levantar alguma dúvida sobre isso. O uniforme azul, menos associado à crise política, representa até o momento cerca de 30% do total vendido pela Netshoes. Em 2014, a parcela era de apenas 10%.

A Nike confirma o sucesso da camisa azul. De acordo com a fabricante, o modelo, inclusive, já esgotou em algumas lojas.

Reprodução
Imagem: Reprodução
Recentemente, uma designer mineira lançou uma versão vermelha da camisa do Brasil. A ideia, segundo ela, era justamente permitir que torcedores possam usá-la sem serem confundidos com os manifestantes do impeachment. A CBF, porém, entrou na Justiça para impedir a venda do modelo “alternativo”.

Independente do que digam os números, parece inquestionável que a discussão está presente nas mesas de bar, reuniões de amigos e afins. Afinal, quem se considera de esquerda vai vestir amarelo? O UOL Esporte lançou a questão.

Militante do PSOL e apaixonado por futebol, o palmeirense Arilton Soares tem uma posição firme: se quiser, vai sim vestir amarelo. “Acho pouco razoável transformar a camisa de um time de futebol num símbolo do golpe”, diz ele. Há uma subestimação da esquerda que se pretende bem pensante a respeito do povo, que seria manipulado através da paixão do futebol. Ninguém nesse país tem dúvida de que a CBF é corrupta, que o futebol serve para negociatas milionárias”.

Arquivo pessoal
Arilton não vê problemas na amarelinha Imagem: Arquivo pessoal
Para Soares, muitos dos que politizam a Copa acompanham seus clubes “como se não tivessem nada a ver a CBF e as negociatas”.

Também militante do PSOL e fã de futebol, Juliana Carvalho já não se sente tão à vontade assim com a “canarinho”. “Assisto todos os jogos, acompanho e torço de coração pela seleção. O grande problema é que a camisa da CBF virou o símbolo dessa gente que saiu às ruas apoiando o golpe, então não vou usar a camisa pelo símbolo que ela se tornou”, argumenta ela.

Juliana diz que tem procurado alternativas à camisa tradicional da seleção. “Eu nem sou tão exigente, só não quero usar o símbolo da CBF. Não precisa nem ter foice e martelo, pode ser um meio-termo”, brinca.

Apesar de se considerar “muito de esquerda”, Paulo Wolfenson diz que “sabe separar as coisas”. Como Soares, ele não vê muito sentido nesta história de não usar a camisa por questões políticas. “Eu acho que, em época de Copa, isso é bobagem. Transcende essas disputas políticas”, diz ele.

“A camisa da CBF só foi usada porque futebol é muito popular. Como ideologia para se contrapor ao petismo. O nacionalismo como tática de convencimento”, acredita o professor de filosofia. Para ele, uma prova disso é que a classe trabalhadora irá usar a camisa, “inclusive seus intregrantes que votarão no Lula”.

Arquivo pessoal
Juliana Carvalho não usará camisa amarela Imagem: Arquivo pessoal
Ciro Palmeira, bancário e também militante do PSOL, confessa que “ficou bem puto” com o uso da camisa da seleção por militantes de direita “porque até certo ponto estragaram um pouco a Copa e a seleção” para ele. Não irá, entretanto, recriminar colegas de esquerda que optem por vesti-la. “As memórias afetivas que uma camisa da seleção traz são muito maiores que o uso político dela.”

Danilo Wallid revela que sua birra com a camisa amarela não começou agora. Ele diz ter perdido a “fissura” de torcer pelo Brasil já há muito tempo, mas “não permitiria que tal escória cooptasse a indumentária com exclusividade” caso ainda quisesse fazê-lo.

“Esse ano eu até queria botar novamente a camisa da seleção. Não com a mesma fissura de antes, mas pelo menos para tentar resgatar o lado bom da infância, quando se pintava a rua e tal”, diz Wallid. Mas ele não o fará, e neste caso o motivo não é a polarização política. “A presença do Neymar foi decisiva para me fazer mudar de ideia. Um time que tem como referência uma figura como ele, para mim não é exemplo de nada.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Grupo E PTS J GP S
sbr 3 1 1 1
bra 1 1 1 0
sui 1 1 1 0
cos 0 1 0 -1
Zona de classificação

Jogadores

  • Alisson Becker Goleiro
  • Ederson Goleiro
  • Cássio Goleiro
  • Geromel Zagueiro
  • Marquinhos Zagueiro
  • Miranda Zagueiro
  • Thiago Silva Zagueiro
  • Filipe Luis Lateral-esquerdo
  • Marcelo Lateral-esquerdo
  • Danilo Lateral-direito
  • Fagner Lateral-direito
  • Fernandinho Volante
  • Casemiro Volante
  • Paulinho Volante
  • Renato Augusto Meia
  • Fred Meia
  • Willian Meia
  • Douglas Costa Meia
  • Philippe Coutinho Meia-atacante
  • Neymar Atacante
  • Roberto Firmino Atacante
  • Gabriel Jesus Atacante
  • Taison Atacante
Renato Mauricio Prado
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte - Futebol
Copa do Mundo 2018
BBC
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte - Imagens
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
BBC
Copa do Mundo 2018
Alexandre Praetzel
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blog do Rodrigo Mattos
Copa do Mundo 2018
Blogs - Mauro Beting
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
De Primeira
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blog do Perrone
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Topo