Topo

Colômbia

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

Sem James Rodríguez, Colômbia faz treino aberto em Kazan

Luis Acosta/AFP
Palmeirense Miguel Borja participou da atividade desta quinta-feira comandada por José Pekerman Imagem: Luis Acosta/AFP

EFE

2018-06-14T09:48:52

14/06/2018 09h48

A seleção da Colômbia realizou nesta quinta-feira (14) seu primeiro treino aberto na cidade de Kazan. A atividade, que ocorreu cinco dias antes da estreia na Copa do Mundo contra o Japão, teve duas ausências notáveis: os meio-campistas Wilmar Barrios e James Rodríguez.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

A equipe dirigida pelo argentino José Pékerman foi acompanhada de perto por cerca de 100 torcedores, que assistiram a tudo com bandeiras, cartazes, gritos e cânticos de apoio. Os jogadores se exercitaram por cerca de 30 minutos no gramado do estádio Sviyaga.

James e Bairros ficaram no hotel da concentração fazendo exercícios diferenciados. A presença de ambos, no entanto, está confirmada para a estreia, na próxima terça (19), na Mordovia Arena, em Saransk. As duas seleções estão no grupo H, que tem também Polônia e Senegal.

O treino começou com uma oração dos jogadores, que depois deram piques no gramado. Depois, os goleiros trabalharam à parte, enquanto os atletas de linha foram divididos em três grupos para atividades com bola. Ao final, houve um coletivo diferente, em que o meia Juan Fernando Quintero jogou pelas duas equipes, sempre ajudando a que atacava.

Pékerman teve a companhia do mais recente reforço para sua comissão técnica, o ex-volante Esteban Cambiasso, com quem trabalhou na seleção argentina na Copa de 2006. O ex-jogador de Real Madrid e Inter de Milão exercerá as funções de analista tático e ajudante de meio-campistas.

Mais Colômbia