Topo

Uruguai

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

Seriado, escola e Neymar: da Rússia, Arrascaeta responde perguntas de fãs

Do UOL, em São Paulo

14/06/2018 18h58

O meia Giorgian de Arrascaeta foi convidado para participar nesta quinta-feira de um jogo de perguntas e respostas promovido pela seleção uruguaia. Entre as questões enviadas por fãs, o jogador do Cruzeiro falou sobre infância, seriados e, é claro, futebol.

Brasil estreia às 15h deste domingo; veja a tabela
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
Super-heróis: Marcelo sofreu com 7 a 1 e ganhou peso

Em suas breves respostas, contou com quem aprendeu a jogar truco e citou brinquedos e brincadeiras da infância. Questionado sobre o período na escola, disse que não gostava de estudar história e matemática.

Ainda fora do futebol, Arrascaeta disse gostar de assistir à série La Casa de Papel, que o último livro que leu foi Hasta la última gota (biografia do ex-jogador Fabián O’Neill escrita pelos jornalistas Federico Castillo e Horacio Varoli) e que gostaria de aprender a tocar timbales.

Fora do Uruguai, sente falta das ramblas. E disse que Nuevo Berlín, sua cidade-natal, é um orgulho.

Ao ser perguntado sobre futebol, Arrascaeta disse que prefere dar três assistências em um jogo a marcar um gol e apontou Juan Román Riquelme como um ídolo no futebol. Afirmou ainda que seu melhor marcador foi o argentino Matías Kranevitter (ex-River Plate, atualmente no Zenit St. Petersburg) e que levaria Forlán para a Copa do Mundo se pudesse – embora não especifique se o convocado seria Diego Forlán ou seu pai, Pablo Forlán. Além disso, declarou que, se pudesse, contrataria Neymar e Philippe Coutinho para a seleção de seu país.

Duas das perguntas dizem respeito à atuação de Arrascaeta no Cruzeiro. Primeiro, foi perguntado sobre sua comida preferida no Brasil – e riu ao responder que é o churrasco uruguaio. Depois, sobre o melhor gol de sua carreira – e citou o voleio na vitória por 1 a 0 sobre o América-MG em fevereiro, pelo Campeonato Mineiro de 2018.

Mais Uruguai