Inglaterra

Inglaterra deve ser acompanhada por 2 mil torcedores e mobiliza autoridades

Gleb Garanich
Torcedores ingleses em Volgogrado, onde a seleção enfrentará a Tunísia Imagem: Gleb Garanich

Do UOL, em São Paulo

17/06/2018 21h56

A estreia da Inglaterra da Copa do Mundo deve ser acompanhada no estádio por não mais do que 2 mil torcedores da seleção campeã mundial de 1966. Segundo dados da imigração britânica, de 7 a 10 mil pessoas viajaram para a Rússia, mas menos da metade delas com entradas para acompanhar partidas da Copa. A Inglaterra estreia às 15h, contra a Tunísia, em Volgogrado.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
- Sandro Meira Ricci será árbitro de vídeo em estreia da Inglaterra na Copa
- Ingleses usarão calças "aquecidas" para reduzir risco de lesões

Segundo o tabloide "Daily Mail", quatro anos atrás 5 mil ingleses viajaram ao Brasil com ingressos para ver os jogos do time em Manaus, São Paulo e Belo Horizonte.

De acordo com o jornal inglês "The Guardian", os torcedores que deixaram o país receberam uma espécie de guia que ensina comportamento adequado em "locais sensíveis" e orienta a não cantar músicas provocativas e nem usar bandeiras de forma que possa causar reações violentas da população local. Ainda segundo a publicação, a polícia acredita que o alto custo da viagem para a Rússia, somada à necessidade de visto para entrar no país, evitarão a repetição de atos violentos como aconteceram na Eurocopa 2016 e deixaram dois ingleses feridos. Um inspetor inglês viajou a Volgogrado em fevereiro para discutir segurança com autoridades locais. 

Ingleses também jogarão em Nizhny Novgorod (dia 24, contra o Panamá) e em Kaliningrado (dia 28, contra a Bélgica). Além da conhecida violência de muitos torcedores britânicos, também há um outro componente que pode preocupar as autoridades: o histórico recente de problemas diplomáticos entre Inglaterra e a Rússia. Em março, um ex-espião russo e sua filha foram envenenados na Inglaterra e Moscou foi acusada de articular o atentado. Diplomatas russos foram expulsos de 14 países europeus e também dos EUA.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Inglaterra

Topo