Copa 2018

Com golaço e 2 de Lukaku, Bélgica fura retranca e bate Panamá em estreia

Do UOL, em São Paulo

18/06/2018 13h53

A Bélgica fez valer o favoritismo nesta segunda-feira (18) e estreou na Copa do Mundo com vitória sobre o Panamá pelo grupo G. Após um primeiro tempo em que atacou muito, mas não conseguiu o gol, o time desencantou na etapa final e venceu por 3 a 0, com um golaço de Mertens e outros dois do centroavante Lukaku.

Assista aos gols de Bélgica 3 x 0 Panamá

Na primeira etapa, o Panamá conseguiu frustrar os ataques do time europeu com uma estratégia bastante defensiva. Mas depois de Mertens acertar um chute indefensável no início do segundo tempo, a seleção centro-americana foi obrigada a se abrir, e os gols belgas fluíram naturalmente a partir daí.

Com três pontos, a Bélgica volta a campo no próximo sábado (23), contra a Tunísia, às 9h (de Brasília), em Moscou. Já o Panamá busca a recuperação diante da Inglaterra, no domingo (24), também às 9h, em Nizhny Novgorod.

O melhor: Eden Hazard

Richard Heathcote/Getty Images
Imagem: Richard Heathcote/Getty Images

O camisa 10 da Bélgica não se intimidou com a forte marcação do Panamá e chamou o jogo o tempo todo. No primeiro tempo, quando o adversário estava mais retrancado, as melhores chances saíram dos pés de Hazard. No segundo, com os panamenhos mais abertos em busca do empate, o jogador do Chelsea abriu espaço com seus dribles e deu a assistência para o segundo gol de Lukaku.

O pior: Murillo

Julian Finney/Getty Images
Imagem: Julian Finney/Getty Images

O lateral-direito do Panamá foi aplicado na marcação, mas perdeu a melhor chance do jogo em um lance que daria o empate ao Panamá naquele momento: cara a cara com Courtois, chutou em cima do goleiro da Bélgica. O erro custou caro, e os europeus marcaram mais dois gols para matar o jogo depois.

Bélgica começa bombardeando, mas erra na mira

Alex Livesey/Getty Images
Imagem: Alex Livesey/Getty Images

O início do jogo dava a impressão de que os belgas iriam atropelar. Com muito volume de jogo, o time europeu criou chances perigosas nos primeiros minutos. Os alas Meunier e Carrasco apoiavam ao mesmo tempo, e Hazard, Mertens e De Bruyne achavam espaço no meio e invertiam bem os lances. O time também assustou em jogadas ensaiadas de escanteio. Mas faltou pontaria: em várias oportunidades, a finalização foi para fora. O gol não saía e a tensão ia aumentando.

Panamá ajusta a marcação e cria problemas

lex Livesey/Getty Images
Imagem: lex Livesey/Getty Images

Depois do bom início da Bélgica, o Panamá se ajustou melhor e passou a negar espaços ao adversário. Bem postado, o time da América Central deixou os três zagueiros belgas livres com a posse de bola e se concentrou em povoar o meio-campo. Os europeus pararam de chegar com tanta facilidade. No ataque, porém, os panamenhos não assustaram, com as poucas bolas esticadas para os pontas Bárcenas e Rodríguez dominadas facilmente pela defesa belga.

Hazard chama o jogo, mas para no goleiro

Julian Finney/Getty Images
Imagem: Julian Finney/Getty Images

Com a Bélgica encontrando muitos problemas para furar o bloqueio panamenho, o camisa 10 chamou a responsabilidade. Saindo da ponta para encontrar espaços em zonas mais centras, Eden Hazard criou duas ótimas chances no primeiro tempo em jogadas individuais. Na primeira, chutou para fora, e na segunda, parou em ótima defesa do goleiro Penedo.

Bélgica desencanta com golaço de Mertens

Richard Heathcote/Getty Images
Imagem: Richard Heathcote/Getty Images

Logo no começo do segundo tempo, um golaço de Mertens mudou o panorama do jogo. Após cruzamento mal afastado pela zaga panamenha, a bola sobrou para o atacante do Napoli no bico da área. E ele pegou de primeira, sem deixar a bola cair, fora do alcance do goleiro Penedo.

Lukaku completa a vitória com dois gols

Francois Nel/Getty Images
Imagem: Francois Nel/Getty Images

O centroavante da Bélgica mal pegou na bola no primeiro tempo, mas mostrou seu faro de gol na etapa final e fez dois para fechar o placar. Aos 23 min, De Bruyne limpou a marcação e deu cruzamento de trivela para Lukaku, que só precisou escorar de cabeça para as redes. Depois, aos 29, Hazard arrancou pelo meio e serviu o camisa 9, que deu bonito toque por cima do goleiro para anotar mais um.

Atrás no placar, Panamá finalmente ataca

Alex Livesey/Getty Images
Imagem: Alex Livesey/Getty Images

O primeiro gol obrigou o Panamá a sair mais para o jogo e abandonar a proposta defensiva do primeiro tempo. Pouco depois do 1 a 0, o lateral Murillo perdeu a grande chance de sua equipe no jogo: após lançamento longo, ficou cara a cara com Courtois, mas chutou mal, em cima do goleiro. O técnico Hernán Gómez trocou jogadores na frente para dar novo gás, mas não adiantou. Faltou calma e qualidade para o Panamá buscar um resultado melhor.

FICHA TÉCNICA

Bélgica 3 x 0 Panamá

Local: Estádio Olímpico de Fisht, em Sochi (Rússia)
Data: 18/06/2018
Horário: 12h (de Brasília)
Árbitro: Janny Sikazwe (Zâmbia)
Assistentes: Jerson dos Santos (Angola) e Zakhele Siwela (África do Sul)

Gols: Mertens, aos 2, e Lukaku, aos 23 e aos 29 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Meunier, Vertonghen e De Bruyne (Bélgica); Davis, Bárcenas, Cooper, Murillo e Godoy (Panamá)

Bélgica: Courtois; Alderweireld, Boyata e Vertonghen; Meunier, De Bruyne, Witsel (Chadli) e Carrasco (Dembélé); Mertens (Thorgan Hazard), Lukaku e Eden Hazard. Técnico: Roberto Martínez

Panamá: Penedo; Murillo, Román Torres, Escobar e Davis; Gómez; Bárcenas (Gabriel Torres), Cooper, Godoy e Rodríguez (Díaz); Blas Pérez (Tejada). Técnico: Hernán Gómez

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo