Topo

Inglaterra

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

Ingleses sofrem com insetos em estreia da Copa: "bocas e olhos cheios"

Clive Rose/Getty Images
Jesse Lingard, da Inglaterra, sofre com a presença de insetos antes de jogo contra a Tunísia Imagem: Clive Rose/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

2018-06-18T19:43:49

18/06/2018 19h43

A Inglaterra teve um adversário extra na estreia da Copa do Mundo da Rússia. Na partida desta segunda-feira (18), os jogadores da seleção inglesa também tiveram que superar uma "invasão" de insetos em Volgogrado durante a vitória por 2 a 1 sobre a Tunísia.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

O estádio onde foi realizada a partida é situado às margens do rio Volga, local onde há um número elevado de mosquitos. Nesta época do ano, a quantidade de insetos voadores na cidade aumenta.

Ao longo da partida, registrou-se vários momentos em que os jogadores foram "atacados" pelos insetos.

"Havia muito mais do que estávamos esperando. Passamos bastante repelente antes do jogo e durante o intervalo, mas não adiantou. Quando cheguei ao vestiário, tinha a boca e os olhos cheios de insetos", reclamou o atacante Harry Kane, autor dos dois gols da seleção inglesa na vitória.

Antes da partida, os organizadores da Copa já haviam alertado para a presença massiva de insetos, mas destacaram também que nenhum evento seria interrompido por conta do fenômeno.

Mais Inglaterra