Brasil

Estafe de jogadores vê empate da seleção como remédio contra euforia

REUTERS/Jason Cairnduff
Jogadores se entreolham após o suíço Steven Zuber empatar o jogo Imagem: REUTERS/Jason Cairnduff

Danilo Lavieri, Dassler Marques, João Henrique Marques, Pedro Ivo Almeida e Ricardo Perrone

19/06/2018 04h00

O dia seguinte ao empate com a Suíça na estreia brasileira na Copa do Mundo teve um discurso praticamente unânime entre os estafes de diferentes jogadores. Contra uma preocupação por ter começado o primeiro Mundial sem vencer desde 1978, as pessoas próximas aos atletas repetiam que o resultado foi bom para conter a euforia do grupo. 

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Brasil

Topo