Topo

Colômbia

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

Polícia colombiana investiga ameaças contra meia expulso na estreia da Copa

AP Photo/Vadim Ghirda
No chão, Carlos Sánchez é expulso na estreia da Colômbia na Copa da Rússia Imagem: AP Photo/Vadim Ghirda

Do UOL, em São Paulo

21/06/2018 13h28

Expulso aos três minutos do primeiro tempo ao colocar a mão na bola dentro da área, o meia Carlos Sánchez, da Colômbia, teria recebido ameaças nas redes sociais após a derrota da seleção colombiana por 2 a 1 para o Japão.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

Segundo informações da BLUE Radio, emissora colombiana, a polícia investiga as supostas ameaças ao atleta nas redes sociais.

“A polícia indicou uma equipe de crimes cibernéticos para investigar o caso”, diz a rádio da Colômbia.

“É melhor não voltar para a Colômbia porque a morte te espera, tem 24 horas para levar sua família ou se arrependerá”, escreveu um usuário no perfil do jogador no Twitter.

Carlos Sánchez tem 32 anos e 81 jogos com a camisa da seleção da Colômbia. Ele jogou a última temporada pelo Espanyol, da Espanha.

Em 1994, o zagueiro colombiano Andrés Escobar foi morto após discussão em um bar de Medellín. Ele fez um gol contra na derrota por 2 a 1 para os EUA e a Colômbia foi eliminada do Mundial daquele ano ao perder duas partidas e vencer apenas uma.

Mais Colômbia