Sérvia

Vitória em jogo 'infernal' pode evitar pesadelo contra o Brasil, diz Matic

Fabrizio Bensch/Reuters
Volante espera dificuldades diante dos suíços: 'Eles possuem muita qualidade e nós os respeitamos' Imagem: Fabrizio Bensch/Reuters

Steve Keating

Do Reuters, em Kaliningrado (Rússia)

21/06/2018 19h12

A Sérvia está preparada para um jogo "infernal" contra a Suíça, disse Nemanja Matic nesta quinta-feira, mas o volante reconheceu que isto não é nada comparado ao pesadelo que os aguarda contra o Brasil se perderem o confronto no Grupo E da Copa do Mundo.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

Após vencer a Costa Rica em sua partida de estreia, a Sérvia pode avançar para as oitavas de final se derrotar a Suíça na sexta-feira.

Isto pouparia o time da aterrorizante perspectiva de precisar de um resultado positivo em sua última partida do grupo, contra o Brasil, pentacampeão mundial.

"É claro que estamos cientes do fato que, se nós vencermos, nós teremos avançado de fase, e é claro que nós faremos o nosso melhor para que isto aconteça, mas vocês sabem que nós estamos enfrentando um time muito bom", disse Matic.

"A equipe suíça também tentará ser uma ameaça para conquistar os três pontos. Eles possuem muita qualidade e nós os respeitamos."

"Eles possuem qualidade em todo o elenco, excelentes jogadores individuais e espírito de equipe", acrescentou. "Nós esperamos um jogo infernal, mas estaremos preparados para qualquer coisa."

A Sérvia, que apresenta um estilo físico de jogo, prometeu levar a conhecida agressividade para a partida, liderada por Matic, do Manchester United. 

A Suíça não irá se esconder de um confronto intenso, mas seu técnico, Vladimir Petkovic, indicou que seu time irá depender tanto da velocidade quanto de desarmes para conseguir um resultado.

De qualquer forma, a Sérvia vai manter seus pontos fortes e seu plano de jogo.

"Nós não vamos abandonar nosso sistema e estilo de jogo", declarou o técnico da Sérvia, Mladen Krstajic. "Eu garanto que os jogadores estarão em sua melhor forma e vão jogar com responsabilidade de dar tudo que têm."

"Eles serão agressivos e em sua melhor forma", acrescentou.

A Sérvia também terá a vantagem de jogar no que se assemelha a um jogo em casa, com previsão de condições chuvosas e com vento.

A única equipe sediada neste enclave russo, a Sérvia montou uma base na cidade de Svetlogorsk, enquanto os suíços fizeram uma longa viagem de suas instalações em Togliatti, atravessando dois fusos horários.

"Nós esperamos vento, chuva, nós estamos acostumados com todo tipo de clima na Sérvia", Krstajic deu de ombros. "É a base perfeita. Saiu de um conto de fadas."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Sérvia

Topo