Copa 2018

Argentino estava certo: Coreia x México pode ser mais legal que casamento

Reprodução
Josefina Cabo e Jero Freixas são atores, casados na vida real e possivelmente protagonista da mesma discussão Imagem: Reprodução

Demétrio Vecchioli e José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

22/06/2018 21h00

A cena é fictícia. A esposa quer ir na festa de casamento do primo, marcada para o próximo sábado, às 12h (de Brasília). O marido avisa que não vai, tem de a assistir Coreia do Sul x México, pela Copa do Mundo. Quando os atores Josefina Cabo e Jerónimo Freixas escolheram a partida a ser ironizada no roteiro, porém, talvez não imaginassem que o duelo de fato promete ser interessante.

Fifa abre processo disciplinar contra o México por gritos homofóbicos
Ozil diz que Alemanha errou muito e avisa: 'Contra a Suécia será uma final'
Vovó "talismã", noivado e cerveja grátis: festa mexicana tem de tudo

Não era essa a sensação que se tinha ao se analisar a tabela da Copa do Mundo antes de ela começar. O torcedor comum está acostumado a priorizar partidas envolvendo as favoritas ao título, além de equipes europeias e sul-americanas. Não é o caso de Coreia do Sul ou México. Porém, tudo mudou depois da primeira rodada, e os argumentos do personagem de Jero Freixas ganharam solidez.

“[Risos] Realmente se converteu em uma partida bem séria, a Alemanha dependerá muito do que se passa essa partida”, brincou o ator, em novo contato com a reportagem do UOL Esporte.

“Algumas pessoas vão me dar a razão, outras vão seguir que o personagem é um louco e um fanático, mas creio que algumas pessoas vão dizer: ‘pô, você tem razão, era uma partida muito importante’. Não sei o que passa pela cabeça das pessoas, mas algumas vão me dar razão com certeza”, acrescentou.

Hector Vivas/Getty Images
Alemanha perdeu para o México e pode se complicar na Copa do Mundo Imagem: Hector Vivas/Getty Images

O México é, por enquanto, a grande sensação do Mundial. Afinal, foi responsável por vencer a Alemanha, atual campeã, por 1 a 0. Os mexicanos jogaram melhor, desperdiçaram várias chances, e poderiam ter ganhado de mais da atual campeã do torneio.

Enquanto isso, por outro lado, a Coreia do Sul estreou perdendo de 1 a 0 da Suécia, nesta segunda-feira. Assim, obrigatoriamente os sul-coreanos precisam ganhar do México se quiserem avançar às oitavas de final; independentemente do resultado da outra partida entre alemães e suecos.

A seleção mexicana pode praticamente carimbar seu passaporte para a próxima fase em caso de vitória, jogando uma grande pressão sobre a Alemanha, que também vai jogar no sábado, às 15 horas, logo depois.

Se os mexicanos ganharem e os alemães só empatarem com os suecos, a Alemanha não dependeria só dela na última rodada para se classificar. Nesse cenário, um empate entre México e Suécia eliminaria os atuais campeões.

Sob a possibilidade do renomado e vitorioso time alemão se complicar – ou até se despedir do torneio, caso mexicanos e suecos triunfem -, quem menosprezou o duelo marcado para o meio-dia deste sábado deve rever a posição. Jero Freixas e seu personagem tinham razão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo