Topo

Japão

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

"Pedi para crescerem e engordarem, mas não deu", brinca técnico do Japão

AFP PHOTO / Benjamin CREMEL
Técnico do Japão, Akira Nishino, durante treino da seleção na Rússia Imagem: AFP PHOTO / Benjamin CREMEL

Do UOL, em São Paulo

2018-06-23T15:52:57

23/06/2018 15h52

As condições físicas dos jogadores de Senegal preocupam a seleção japonesa para a partida deste domingo na Ekaterinburg Arena pelo Grupo H da Copa do Mundo da Rússia.

Simule resultados da última rodada e quem vai às oitavas 
Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

"Eles têm uma velocidade extraordinária, que tentaremos neutralizar. Não temos medo", afirmou o técnico do Japão, Akira Nishino. "Disse aos meus jogadores para crescerem e engordarem, mas não conseguiram. Vamos ter de tentar ganhar na bola", completou.

O Japão venceu a Colômbia por 2 a 1 na estreia da seleção no Mundial e lidera o grupo ao lado dos africanos, que derrotaram a Polônia pelo mesmo placar. 

Depois do triunfo sobre os colombianos, Akira afirmou que a agressividade dos japoneses foi fundamental para alcançar a vitória.

“Disse, no intervalo, que se conseguíssemos manter a bola em movimento, poderíamos diminuir a força e resistência dos jogadores colombianos. Nossos atletas foram agressivos desde o início e acho que funcionou muito bem para nós”, afirmou o técnico na coletiva.

Japão e Senegal se enfrentam em Ecaterinburgo neste domingo (23), às 12h (de Brasília). Mais tarde, às 15h (de Brasília), Polônia e Colômbia jogam na Kazan Arena.

Mais Japão