Portugal

Imprensa internacional destaca sofrimento de Portugal e polêmica de CR7

Clive Brunskill/Getty Images
Cristiano Ronaldo lamenta cobrança de pênalti perdida durante duelo entre Irã e Portugal Imagem: Clive Brunskill/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

25/06/2018 18h10

Portugal avançou às oitavas de final da Copa do Mundo, mas com uma boa dose de sofrimento. Com o empate por 1 a 1 contra o Irã nesta segunda-feira (25), a equipe liderada por Cristiano Ronaldo garantiu vaga para enfrentar o Uruguai na próxima fase. Após a partida, a imprensa internacional destacou o drama vivido pela seleção portuguesa nos minutos finais do confronto.

Veja os gols de Irã 1 x 1 Portugal
Simule resultados da última rodada e quem vai às oitavas
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

A partida, de fato, teve enredo dramático. Depois de abrir 1 a 0 no placar, Portugal viu Cristiano Ronaldo desperdiçar um pênalti, correr o risco de ser expulso e uma pressão iraniana nos últimos minutos.

O jornal português Record ressaltou o sofrimento da seleção para avançar às oitavas e afirmou que, depois do empate nos acréscimos, os iranianos "sentiram o cheiro da vitória" - a equipe asiática desperdiçou um gol pouco depois de igualar o placar. Os compatriotas A Bola e O Jogo evitaram o discurso dramático e limitaram-se a destacar a classificação da seleção.

Na Espanha, onde Cristiano Ronaldo é ídolo do Real Madrid, a imprensa ficou dividida. O Mundo Deportivo afirmou que Portugal avançou "com suspense". Além disso, o jornal avaliou que CR7 merecia ter sido expulso por agressão ao iraniano Morteza Pouraliganji, na reta final da partida. O atacante atingiu o adversário no rosto durante uma disputa de bola e a arbitragem, após consultar o VAR, aplicou o cartão amarelo.

Já o Marca, ao contrário do Mundo Deportivo, analisou o lance do atacante português como jogada para cartão amarelo. "A ação de Cristiano não é para cartão vermelho", comentou o ex-árbitro Andújar Oliver ao jornal.

Vale destacar que os jornais espanhóis têm posicionamento distintos. Situado na capital do país, o Marca é simpático ao Real Madrid, clube pelo qual atua Cristiano Ronaldo. Já o Mundo Deportivo é sediado em Barcelona.

"Que venha Cristiano"

A imprensa uruguaia também se manifestou após a definição de Portugal como adversário da Celeste nas oitavas de final. O portal Referi pareceu não se intimidar com o encontro com o craque português: "Que venha Cristiano", escreveu. Além disso, a polêmica do VAR no lance envolvendo o atacante também ganhou destaque.

Uruguai e Portugal se enfrentam no próximo sábado (30), às 15h (horário de Brasília), em Sochi.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Portugal

Topo