Brasil

Chegada da seleção a Moscou tem festa de fãs e bronca no Canarinho Pistola

Pedro Martins / MoWA Press
Torcedores recepcionam a seleção brasileira em Moscou Imagem: Pedro Martins / MoWA Press

Danilo Lavieri, Dassler Marques, João Henrique Marques e Luiza Oliveira

Do UOL, em Moscou (Rússia)

25/06/2018 17h39

O ritmo de festa que contagiou a seleção brasileira em São Petersburgo antes da vitória sobre a Costa Rica invadiu também Moscou, onde centenas de torcedores recepcionaram a delegação verde-amarela na noite desta segunda-feira (25). Na capital russa, Tite e seus comandados jogarão contra a Sérvia por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo.

Simule resultados da última rodada e quem vai às oitavas
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

Com segurança reforçada, os acessos ao hotel reservado pela CBF foram bloqueados, o que não impediu uma grande concentração de torcedores. Coordenado pelo Movimento Verde e Amarelo, o grupo de brasileiros promoveu batuque e não economizou nos cânticos.

André Mourão / MoWA Press
Imagem: André Mourão / MoWA Press

Até o Canarinho Pistola, mascote da seleção brasileira, se aglomerou com os demais torcedores do lado de fora por alguns momentos e "coordenou" a festa tocando um surdo. O personagem, no entanto, exagerou na empolgação, subiu em um canteiro para se aproximar da grade e foi repreendido por um policial local.

Quando o ônibus estacionou no hotel, os jogadores da seleção brasileira formaram uma fila ao deixar o veículo e passaram bem próximos à grade que isola o entorno do hotel. Foi uma forma de demonstrar apreço ao carinho dos fãs, que não puderam ter o mínimo contato com a delegação em Rostov-on-Don, palco da estreia da Copa, gelo que foi quebrado com o Carnaval promovido por centenas de brasileiros em São Petersburgo.

Outra mudança de rotina para deixar seleção e fãs mais próximo foi a chegada do ônibus em Moscou, pela porta da frente do hotel, ainda que haja grades de isolamento. Nas demais cidades russas por onde passou, a delegação desembarcou por entradas secundárias, distantes de qualquer contato.

A partida contra a Sérvia será às 15h (de Brasília) desta quarta-feira (27), em Moscou, pela terceira rodada do Grupo E. No mesmo horário, Suíça e Costa Rica se enfrentam em Nizhny Novgorod. O Brasil precisa de um empate para se garantir nas oitavas de final sem depender do outro confronto.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Brasil

Topo