Copa 2018

Mesmo eliminados, peruanos não desanimam em 3º jogo: "Copa é para beber"

Pedro Ivo Almeida/UOL
Em Sochi, trio de torcedores peruano festeja o último jogo da seleção na Copa do Mundo com cerveja Imagem: Pedro Ivo Almeida/UOL

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Sochi (Rússia)

26/06/2018 11h17

O sonho de brilhar no retorno ao Mundial após 36 anos durou apenas dois jogos. Com derrotas para França e Dinamarca, o Peru foi eliminado precocemente da Copa e entra em campo nesta terça-feira (26), em Sochi, para o último compromisso na Rússia. Ainda assim, a partida derradeira, contra a Austrália, ficou longe de ganhar ares de tristeza para uma das torcidas mais animadas do torneio.

Desde as primeiras horas da tarde, os milhares de peruanos faziam muito barulho no entorno do estádio olímpico de Sochi. Do lado de fora, água para encarar o calor de mais de 30 graus. Dentro da moderna arena, cerveja para matar a sede e aumentar a animação da festa.

“A Copa é para beber mesmo. Temos que curtir até o fim. Isso aqui é maravilhoso, uma grande festa. Não foi como queríamos. Deu uma tristeza pela eliminação, mas é um momento único. Eu nunca vivi, meus amigos também não. Queremos beber até o fim”, disse o peruano Alvaro Javier Pozo Saco.

UOL
Dupla de torcedores peruanos se diverte com copos de cerveja antes do último jogo da seleção na Copa Imagem: UOL

“Nem sei quando conseguiremos isso de novo. Vamos tentar curtir até o fim. E acho que hoje acontece uma vitória. Seria lindo. Beberíamos ainda mais”, disse Jorge Pilco, enquanto carregava uma embalagem com quatro copos de cerveja. “Dois para mim e dois para meu amigo. É mais rápido”, brincou.

Fora de um Mundial desde a edição de 1982, na Espanha, a seleção peruana sofreu para garantir sua vaga na Rússia. Quinta colocada nas eliminatórias sul-americanas, teve que encarar a repescagem contra a Nova Zelândia – empate por 0 a 0 fora de casa e vitória por 2 a 0 em Lima.

A empolgação tomou conta. Oitavo país que mais comprou ingresso para os jogos na Rússia, o Peru viu mais de 40 mil bilhetes adquiridos por seus fãs. A festa começou em Saransk, passou por Ecaterimburgo e termina nesta terça, em Sochi. “Mas não vamos parar. Temos Copa América, Eliminatórias e a próxima Copa. Voltaremos”, prometeu a torcedora Valeria Jesus.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo