Brasil

Fagner mira Cafu e Josimar para se firmar na lateral na Copa

Getty Images
Cafu e Josimar começaram Copas de 94 e 86, respectivamente, no banco e se destacaram Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

27/06/2018 10h01

Às vésperas da Copa do Mundo, Fagner não era a primeira opção para a lateral direita. Daniel Alves era o preferido de Tite, mas se contundiu antes do Mundial. Danilo herdou a vaga, mas se lesionou após a estreia no torneio, contra a Suíça.

- Como foi a primeira vitória da seleção brasileira na Copa da Rússia
- Brasil decide vaga nas oitavas contra a Sérvia: veja a tabela da Copa
-
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial

Coube a Fagner assumir o posto contra a Costa Rica. O jogador do Corinthians fará nesta quarta-feira (27), contra a Sérvia, sua segunda partida no Mundial. E ele mira os exemplos de Cafu e Josimar para se firmar na equipe de Tite na Rússia.

“Tantos grandes laterais vestiram essa camisa. Todos foram bem. Eu espero escrever meu nome na história”, diz Fagner, em entrevista à Fifa.

Cafu e Josimar começaram Copas como reservas. Em 1994, Cafu fez boas apresentações quando entrou contra os EUA (na esquerda, pois Leonardo tinha sido expulso), e na final contra a Itália (na vaga de Jorginho, que havia se lesionado).

Pouco antes da Copa do México, em 1986, Josimar era a terceira opção da lateral direita. Mas o titular Leandro foi cortado. Edson acabou se contundindo. Josimar entrou durante a primeira fase e marcou dois belos gols, se firmando no time.

Titular da seleção para o duelo contra a Sérvia, nesta quarta-feira, às 15h (horário de Brasília), em Moscou, Fagner relembrou os pontos altos e baixos na carreira. O lateral falou sobre o período desempregado após passagem pelo futebol holandês, em 2008.

“Entre setembro de 2008 e janeiro de 2009 eu não estava treinando, não estava fazendo nada. Eu até pensei em desistir de tudo”, disse ele.

FICHA TÉCNICA

BRASIL X SÉRVIA

Data:
 27 de junho, quarta-feira
Local: Otkritie Arena, em Moscou (Rússia)
Horário: 15h (de Brasília)
Árbitro: Alireza Faghani (Irã)
Assistentes: Reza Sokhandan e Mohammed Mansouri (ambos iranianos)

BRASIL: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro; Willian, Paulinho, Philippe Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus.
Treinador: Tite

SÉRVIA: Stojkovic; Ivanovic, Milenkovic, Tosic e Kolarov; Matic e Milivojevic; Tadic, Milinkovic-Savic e Kostic; Mitrovic. 
Treinador: Mladen Krstajic

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Brasil

Topo