Topo

Copa 2018


Primeira-ministra britânica ganha camisa rival de premiê belga

FRANCOIS LENOIR/REUTERS
Primeira-ministra britânica ganha camisa rival de premiê belga Imagem: FRANCOIS LENOIR/REUTERS

Do UOL, em São Paulo

2018-06-28T15:45:50

28/06/2018 15h45

Minutos antes do duelo desta quinta-feira (28) entre Inglaterra e Bélgica pela última rodada do grupo G da Copa do Mundo da Rússia, o primeiro-ministro belga Charles Michel viveu uma situação complicada com Theresa May, a premiê britânica. Ele resolveu dar de presente uma camisa da sua seleção e a situação foi retratada como uma gafe em jornais ingleses.

Simule resultados da última rodada e quem vai às oitavas 
Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

A camisa escolhida por Michel foi a de Eden Hazard, o número 10 da equipe, que foi poupado do jogo desta quinta. Os líderes de Bélgica e Inglaterra não devem conseguir acompanhar a partida, porque estão em uma reunião da União Europeia, que discutirá o futuro sobre a política de imigração do continente.

De acordo com o jornal The Guardian, até Emmanuel Macron, presidente da França, se divertiu com a situação.

O primeiro ministro belga anda fazendo campanha pela seleção nacional. Ainda nesta quinta-feira, Charles Michel publicou uma foto com os representantes de Holanda e Luxemburgo vestindo faixas da Bélgica.

Ainda que o confronto valha a primeira posição da chave, as seleções decidiram poupar suas principais referências, para entrar sem problemas na fase de mata-mata. O vencedor do grupo G vai enfrentar o Japão, segundo colocado do H, enquanto o vice-líder pega a Colômbia.

Mais Copa 2018