Topo

Inglaterra

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

Febre de atirar cerveja para o alto quase deixa torcedora inglesa cega

Reprodução/Facebook
Torcedora inglesa ferida por copo durante comemoração de gol contra a Colômbia Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

11/07/2018 17h30

A febre dos torcedores ingleses de comemorar gols atirando copos para o alto produz boas imagens, mas também pode ser perigosa e já fez ao menos uma vítima nesta Copa. Zoey Johansson, uma funcionária do sistema público de saúde britânico (NHS), foi ferida seriamente durante a celebração da classificação inglesa contra a Colômbia, nas oitavas.

- Por que perdemos? Os fatores que contribuíram para a queda da seleção
- Perrengues na Rússia: de motorista dorminhoco a hotel de filme de terror
Copa mostra que árbitro de vídeo pode minar agressões e "malandragens"

Zoey assistia ao jogo em um pub na cidade de Yarm quando foi atingida por um copo de vidro atirado quando o gol foi marcado. As imagens, publicadas no Facebook, são chocantes. A funcionária do NHS precisou passar por uma cirurgia para reconstruir a área acima do olho direito.

"Eu apenas quero mostrar a vocês os efeitos de se lançar um copo de vidro em uma multidão", escreveu Zoey em sua rede social. "Quando a Inglaterra marcou seu último pênalti, o pub explodiu em celebração. Copos e garrafas de vidro foram arremessados em todas as direções, infelizmente eu fui pega no fogo cruzado. Minha testa ficou aberta e quase perdi meu olho", afirmou.

Zoey contou que depois do acidente ficou quase 48 horas sem dormir e aproximadamente 20 horas sem comer. "Leva um segundo para atirar seu copo para cima, e eu fiquei com uma cicatriz no rosto para sempre. Pense antes de arruinar a vida de alguém", completou.

Mais Inglaterra