Brasil

"Os dias passam, mas a dor é a mesma", diz Coutinho sobre queda do Brasil

AFP
Philippe Coutinho durante desembarque no Rio de Janeiro Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

11/07/2018 11h02

“Passaram alguns dias, mas a dor ainda é a mesma.” Assim o meia Philippe Coutinho quebrou o silêncio e definiu o sentimento após a eliminação do Brasil da Copa do Mundo. O jogador era um dos que ainda não haviam comentado a derrota por 2 a 1 contra a Bélgica nas quartas de final, depois que chegou ao Rio de Janeiro.

- Por que perdemos? Os fatores que contribuíram para a queda da seleção
- Perrengues na Rússia: de motorista dorminhoco a hotel de filme de terror
Copa mostra que árbitro de vídeo pode minar agressões e "malandragens"

Ele falou sobre a saída do Mundial em uma publicação no seu perfil do Instagram nesta quarta-feira (11). "Esse grupo merecia estar lá ainda por todo o trabalho, entrega e seriedade. Tenho muito orgulho de ter feito parte dessa seleção", disse.

O meia agradeceu ao apoio da torcida verde e amarela e afirmou que, no momento, quer pensar no futuro.  

"Agradeço todo o apoio do povo brasileiro que acreditou e torceu pela gente desde o início e também por todas as mensagens positivas nesse momento. Agora é hora de sacudir a poeira e se fortalecer mentalmente para voltarmos mais fortes."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Brasil

Topo