Copa 2018

Fifa constata influência do VAR em gols de bola parada na Copa do Mundo

Themba Hadebe/AP
Árbitro Matt Conger consulta o vídeo na partida entre Nigéria e Islândia Imagem: Themba Hadebe/AP

Da EFE

12/07/2018 15h01

Moscou, 12 jul (EFE).- Um grupo de estudos técnicos da Fifa constatou nesta quinta-feira que a utilização da videoarbitragem (VAR) na Copa do Mundo influenciou diretamente o número de gols marcados em jogadas de bola parada na competição.

"A presença do VAR tem muito a ver com o aumento dos gols de bola parada. O VAR não só é um instrumento para minimizar erros, ele acaba fazendo com que os jogadores diminuam os empurrões dentro da área. Desta forma, eles acabam tendo mais espaço para se movimentar", explicou o escocês Andy Roxburgh, membro do grupo.

Roxburgh parabenizou o técnico da Inglaterra, Gareth Southgate, que teve nove dos 12 gols da sua seleção na Copa marcados em jogadas de bola parada. E ressaltou que agora os escanteios se tornaram ainda mais perigosos.

"Na Eurocopa, a cada 45 escanteios, um gol era marcado, e na maioria dos campeonatos também. Aqui foi possível um gol a cada 30 escanteios. É uma marca incrível", disse.

O ex-técnico Carlos Alberto Parreira, campeão mundial com a seleção brasileira em 1994, destacou a contribuição do VAR para a Copa do Mundo.

"O VAR fornece mais justiça. Por exemplo, a final entre Alemanha e Holanda, em 1974, começa com um pênalti por uma falta (de Johan Cruyff) que foi feita fora da área. Com o VAR, o pênalti não teria sido marcado. Os resultados das partidas são mais reais. É uma boa ajuda porque muda a mentalidade. No início, foi acionado muitas vezes, mas nas últimas partidas nem se mencionou", opinou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo