Topo

Irã

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

Premiê de Israel elogia seleção do Irã, mas provoca sobre processo de paz

Tsafrir Abayov - 6.dez.2017/AP
Benjamin Netanyahu, discursa em conferência em Jerusalém no final de 2017 Imagem: Tsafrir Abayov - 6.dez.2017/AP

2018-06-27T09:49:19

27/06/2018 09h49

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, publicou na noite desta terça-feira (26) um vídeo exaltando a coragem da seleção do Irã na Copa do Mundo e convocando a população iraniana a ter a mesma determinação na busca pela paz.

Tabela: veja como estão as oitavas de final da Copa do Mundo
- Irã e Marrocos expõem erros dos favoritos e saem da Copa após jogos duros
Presidente do Irã parabeniza seleção: "materializou os sonhos de uma nação"

"Você imagina como é difícil evitar um gol de [Cristiano] Ronaldo? É quase impossível. Mas a seleção iraniana fez o impossível. Vocês mostraram coragem em campo e também nas ruas do Irã", afirmou o político em publicação no Twitter, remetendo ao empate da equipe de Carlos Queiróz por 1 a 1 contra Portugal na segunda (25).

Segundo Netanyahu, o Irã tem muitos problemas, como poluição no ar, escassez de água e "bilhões gastos em terrorismo", por culpa dos seus líderes políticos.

"Imagine o que aconteceria se o governo iraniano, em vez de esbanjar dinheiro na Síria, no Iêmen e em guerras desnecessárias no Oriente Médio, começasse a investir para resolver os problemas do Irã? A solução está com o povo iraniano", acrescentou o primeiro-ministro, falando de iniciativas de auxílio ao país asiático, que não reconhece Israel como nação.

O vídeo é mais um aceno do líder do Estado judeu aos iranianos, tentando instigá-los contra o governo local.

"Espero um dia poder ver a seleção do Irã enfrentar Israel em uma Teerã livre. Neste dia, seremos todos vencedores", finalizou o premiê.

Mais Irã