UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão

Globo reduz espaço da seleção durante impasse em leilão por direitos

Pedro Martins/ MoWa Press
Seleção brasileira está reunida na Granja Comary, mas não deve receber atenção tradicional da Globo Imagem: Pedro Martins/ MoWa Press
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

03/10/2017 04h00

O impasse nas negociações pelos direitos de transmissão do próximo ciclo de Copa do Mundo (2018 a 2022) já impacta o espaço destinado à seleção brasileira no noticiário da TV Globo. Enquanto a CBF não cede e busca um acordo pelos 37 jogos – entre amistosos e Eliminatórias –, a ordem na emissora é reduzir o tempo de exposição do time de Tite em seus principais noticiários. A determinação se iniciou nos polêmicos amistosos na Austrália e seguiu nos quatro jogos finais das Eliminatórias, contra Equador, Colômbia, Bolívia e Chile.

Em nota recente, a CBF informou não ter recebido propostas dentro dos moldes estabelecidos no leilão pelos direitos, que pedia um valor mínimo de US$ 3,5 milhões (R$ 11 milhões) por cada jogo. A Globo entende não ser razoável pagar mais de US$ 2 milhões. Enquanto seguem as conversas, a TV, por uma decisão logística, entendeu ser necessário ir com apenas um repórter (Mauro Naves) para o jogo da próxima quinta, em La Paz. A equipe mínima é um fato inédito nos últimos anos. O Sportv, por sua vez, nem sequer terá narradores e comentaristas. A tensão é grande em ambos os lados. Por ora, a Globo não tem uma resposta positiva sobre a transmissão dos quatro amistosos que restarão até a Copa, sendo dois em novembro próximo e dois em março. (Por Dassler Marques e Pedro Ivo Almeida)

Seleção: Neymar encara pancadas e até dor na unha

Neymar deixou o treino mais cedo na última segunda-feira. Rapidamente, a comissão técnica informou que a saída antecipada estava na programação, mas o atacante tem motivos para se preocupar. Além das duas pancadas fortes em entradas de Paulinho e Diego Tardelli, o craque do PSG vem sofrendo com dores do dedão do pé esquerdo, tudo por conta de um problema na unha.

Mais UOL de Primeira

Topo