UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão

Ingressos da seleção na Europa custarão metade do preço praticado no Brasil

REUTERS/Paulo Whitaker
Detalhe de quando Brasil e Chile entraram em campo no Allianz Parque, no último jogo das Eliminatórias para a Copa de 2018 Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

24/10/2017 04h00

Após rodar a América do Sul nas Eliminatórias e garantir a vaga para a Copa do Mundo, a seleção brasileira inicia em novembro sua série de amistosos na Europa de olho na preparação para 2018. E um aspecto desse “tour” no Velho Continente chama a atenção: o preço dos ingressos. Assistir in loco o time de Tite sairá mais barato lá do que cá. Enquanto no Brasil a CBF cobrava até R$ 1000 – partida com o Paraguai na Arena Corinthians, em março –, na França e na Inglaterra os bilhetes não chegarão a R$ 500.

Estipulados pela Pitch, empresa que detém os direitos de comercialização dos amistosos da seleção, as entradas não irão ultrapassar as 100 unidades da moeda local. Em Lille, os torcedores pagarão de R$ 57 (15 euros) a R$ 267 (70 euros) para o duelo com o Japão. Já em Londres, os ingressos para Inglaterra x Brasil custarão de R$ 43 (10 libras) a R$ 427 (100 libras). No Brasil, os ingressos mais baratos custavam R$ 200, com meia entrada a R$ 100. (Por Pedro Ivo Almeida)

Seleção: CBF sinaliza acordo para Globo transmitir amistosos

A CBF recuou na ideia de não estabelecer negociações pontuais referentes aos direitos de transmissão dos amistosos da seleção brasileira em novembro, na Europa. Sem definições pelo leilão do ciclo até 2022, a entidade já não descarta um entendimento com a Globo para os jogos com Japão e Inglaterra. 

Mais UOL de Primeira

Topo