UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão

SP não quer ser "refém" de Cueva, promete linha dura e aposta em Lugano

Luciano Belford/AGIF
Cueva em ação pelo São Paulo; meia vem dando dor de cabeça para a diretoria do clube em 2018 Imagem: Luciano Belford/AGIF
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

24/01/2018 04h00

A diretoria do São Paulo vai cumprindo a promessa de não esmorecer no tratamento com Christian Cueva. Depois de se atrasar para a pré-temporada, o meia pediu para não viajar para o jogo contra o Mirassol após ter proposta do Al Hilal rejeitada e de saber que seria reserva. O Tricolor decidiu tornar a atitude pública em nota oficial para não ficar refém do jogador e acredita que pode fazê-lo "sossegar" para seguir no clube pelo menos até a Copa do Mundo.

Além do tratamento rígido, a ideia é tornar o elenco mais forte com reforços que façam sombra ao meia, como no caso do vascaíno Nenê. Com Hernanes no time, por exemplo, o peruano andou mais na linha. Outra forma de segurar o gênio do camisa 10 seria a influência de Diego Lugano. O uruguaio era um dos mais próximos ao armador até o ano passado e agora pode voltar ao clube como dirigente. A resposta do ídolo, aliás, deve ser dada nesta semana. (Por Bruno Grossi)

Corinthians: Andrés pensa em substituto de Alessandro

Embora afirme publicamente que o gerente de futebol Alessandro Nunes será mantido no Corinthians, o grupo de Andrés Sanchez trata como improvável a permanência do lateral campeão mundial caso a situação vença as eleições no dia 3 de dezembro. As pessoas mais próximas de Alessandro no clube creem que ele irá se demitir se o ex-presidente ganhar o pleito.

Mais UOL de Primeira

Topo