UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão

Tite, Marcelo e Thiago Silva cobram Neymar após excesso de reclamações

Reuters
Neymar caiu dentro da área e juiz deu penalidade, mas decisão foi cancelada após o VAR Imagem: Reuters
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

24/06/2018 04h00

Ainda que a seleção brasileira diga publicamente entender os desabafos de Neymar, especialmente o choro após a vitória contra a Costa Rica, lideranças do grupo não concordam com a irritação excessiva do craque em campo. O capitão Thiago Silva, o lateral Marcelo e até o técnico Tite cobraram calma do camisa 10 após as reclamações no duelo da última sexta-feira (22), em São Petersburgo.

Na beira do gramado, Tite levantou o tom por duas vezes para exigir uma pausa no comportamento irritadiço do atacante. Thiago Silva deu um “chamado” em Neymar ao fim do primeiro tempo. Marcelo, já no túnel que dá acesso ao vestiário, aumentou a cobrança sobre o atacante. Pendurado com cartão amarelo, o craque é alvo de preocupação na seleção por conta de seu histórico emocional de discussões e incômodo com a pressão. (Por Danilo Lavieri, Dassler Marques, João Henrique Marques, Pedro Ivo Almeida e Ricardo Perrone)

Seleção: Para jantar com Bruna, Neymar deixa hotel pela 1ª vez

Neymar deixou o hotel da seleção brasileira, em Sochi, na Rússia, pela primeira vez desde que a concentração na Copa do Mundo foi iniciada dia 11 de junho. A folga concedida pela comissão técnica na noite de sábado foi aproveitada pelo camisa 10 com um jantar com a namorada Bruna Marquezine e a família.

Mais UOL de Primeira

Topo