UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão

Palmeiras não topa redução e segue sem acordo com a Globo para 2019

Ale Cabral/AGIF
O presidente do Palmeiras, Mauricio Galiotte, não aceita a redução de receita sugerida pela TV Globo para a temporada 2019 Imagem: Ale Cabral/AGIF
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Belo Horizonte

07/11/2018 04h00

A Globo e o Palmeiras ainda não entraram em um acordo pelos direitos de TV aberta e Pay-per-view para o Campeonato Brasileiro 2019. A um mês do final da temporada, os dois lados têm divergências no modelo de contrato e no valor final do acordo. A emissora pretende incluir uma cláusula que diminui o que será pago por conta da assinatura do Alviverde com o Esporte Interativo para TV fechada. O clube não aceita essa condição e ainda pede uma valorização em relação aos contratos atuais. Com boa condição financeira, o time paulista acredita ter um bom poder de barganha.

Bahia, Atlético-PR e Palmeiras são os clubes que não assinaram com a TV Globo a partir da próxima temporada. Com isso, a emissora não poderia transmitir nenhum jogo que envolvesse uma dessas equipes, mesmo que tenha comprado os direitos do outro envolvido. Assim sendo, o Brasileirão teria até 30% dos jogos a cada rodada que não poderiam ser transmitidas por Globo e Premiere FC. Procurada pela De Primeira, a emissora disse que não teria nada a declarar sobre o impasse. (Por Danilo Lavieri)

Mais UOL de Primeira

Topo