10 brasileiros 'escondidos' da Europa e que poderiam reforçar seu clube

Do UOL, em São Paulo

Os clubes brasileiros seguem no mercado em busca de reforços para a temporada 2017. Além de nomes cobiçados no futebol nacional e no exterior, outras alternativas buscadas pelas equipes têm sido sondar jogadores que atuam no estrangeiro e são pouco lembrados ou conhecidos do torcedor. O UOL Esporte listou alguns bons atletas 'escondidos' pelo mundo e que poderiam reforçar seu time.

Peter Dejong/AP
Peter Dejong/AP

Eric Botteghin: zagueiro do Feyenoord (HOL)

Não era muita gente que conhecia Pedro Geromel antes de sua chegada ao Grêmio. O jogador saiu cedo do país e fez uma carreira sólida na Europa, sem brilhar em clubes grandes. Nesta temporada, existe um jogador com perfil parecido. Aos 29 anos, Botteghin é um dos destaques da Holanda nesta temporada: segundo o site especializado em estatísticas WhoScored, ele é o melhor zagueiro do Campeonato Holandês, liderado justamente pelo Feyenoord. Formado no Internacional, foi aos 20 anos para a Holanda, passando por times menores antes de chegar ao clube de Roterdã. A boa temporada, porém, aumenta seu valor de mercado: 5 milhões de euros, segundo o site TransferMarket.
Divulgação/Ingolstadt
Divulgação/Ingolstadt

Roger Bernardo: volante do Ingolstadt (ALE)

Ex-Palmeiras e Figueirense, o volante chegou à Alemanha em 2009. Hoje, aos 31 anos, se consolidou como meio-campista consistente - imagine o impacto que Júnior Urso teve no Atlético-MG nesta temporada. É um dos que mais entrou em campo pelo Ingolstadt na atual temporada e, apesar da fase ruim do time na Bundesliga (está na zona de rebaixamento), tem se destacado. Em busca de um volante após perder, justamente, Urso e Leandro Donizete, o Atlético Mineiro está conversando com o jogador.
Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Léo Baptistão: atacante do Espanyol (ESP)

Formado na Portuguesa Santista, Baptistão fez toda a sua carreira no futebol espanhol. Em 2013, foi comprado pelo Atlético de Madri por 7 milhões de euros, após marcar sete vezes na temporada pelo Rayo Vallecano. O jogador, porém, nunca conquistou espaço na equipe e foi emprestado várias vezes. No meio de 2015, foi vendido pelo Atlético para o Espanyol. No clube de Barcelona, fez 14 jogos até agora, com três gols e cinco assistências. Jogar no Brasil seria uma alternativa de carreira para buscar projeção maior - mais ou menos como Alan Kardec fez com Santos e Palmeiras.
Reprodução
Reprodução

Joãozinho: atacante do Krasnodar (RUS)

O atacante que começou a jogar na Portuguesa saiu do Brasil aos 18 anos, para jogar no Levski Sofia, da Bulgária. Em quatro anos, se tornou um dos destaques do time e acabou vendido para o Krasnodar, da Rússia. Por lá, se tornou um dos jogadores mais importantes do time, com 37 gols e 58 assistências nos últimos cinco anos. Aos 28 anos, é caro para o mercado brasileiro (5 milhões de euros segundo o TransferMarket), mas já chega à fase em que brilhar no país natal começa a se tornar atraente. A comparação mais óbvia é com Emerson Sheik.
EFE/Alberto Martín
EFE/Alberto Martín

Guilherme Siqueira: lateral esquerdo do Valencia (ESP)

O lateral foi formado no Avaí, mas fez toda a sua carreira na Europa, incluindo passagens pelas categorias de base da Inter de Milão e uma passagem rápida pelo Atlético de Madri - em que foi contratado para substituir Filipe Luiz. Quando o jogador da seleção brasileira voltou do Chelsea, Guilherme perdeu espaço e acabou emprestado para o Valencia. Na nova equipe, porém, não conseguiu se firmar e tem sido alvo de especulações no mercado. Segundo o Record, o jogador de 30 anos já recusou um empréstimo para o Sporting.
AP Photo/Vadim Ghirda
AP Photo/Vadim Ghirda

Júnior Caiçara: lateral direito do Schalke (ALE)

Ex-Santo André, o lateral passou três anos na Bulgária antes de chegar à Alemanha em 2015. Na temporada passada, o jogador de 27 anos foi um dos destaques do Schalke 04 e chegou a ser sondado pelo Bayern de Munique. A negociação não avançou e, nessa temporada, com a troca de comando, acabou encostado. Foram apenas nove partidas na atual temporada. Essa situação pode levar o Schalke a aceitar uma saída, mesmo que temporária.
Romain Perrocheau/Getty Images
Romain Perrocheau/Getty Images

Pablo: zagueiro do Bordeaux (FRA)

Destaque da Ponte Preta na temporada de 2015, o zagueiro chegou ao Bordeaux na temporada passada e foi bastante usado. Com a troca de comando no meio de 2016, porém, ele foi deixado de lado pelo novo técnico, Jocelyn Gourvenec. Quem está analisando o jogador é o Corinthians, que tem um histórico recente muito positivo com zagueiros que vieram do futebol francês. Campeão mundial, Paulo André veio Le Mans. Gil, hoje na seleção brasileira, jogava pelo Valenciennes antes de defender o time do Parque São Jorge.

Matheus Pereira: atacante do Sporting (POR)

Mais jovem da lista, Matheus Pereira é alvo do Santos. Aos 20 anos, ele seria uma alternativa para as pontas na escalação de Dorival Júnior. Formado em Portugal, ele joga mais pelo Sporting B do que pela equipe principal do time lisboeta, mas é considerado um prospecto de futuro pelos portugueses. Pesa contra o Santos, porém, o interesse de clubes portugueses pelo jogador. Jornais locais já publicaram que o Belenenses teria preferência pelo empréstimo do jogador.
Michael Sohn/AP Photo
Michael Sohn/AP Photo

Bruno Henrique: atacante do Wolfsburg (ALE)

Um atacante que não fez gols em jogos oficiais por seu clube atual pode não parecer muito atraente, mas quem se lembra de Bruno Henrique atuando pelo Goiás no Brasileirão de 2015, em que marcou sete vezes, sabe que ele pode ser útil. O Santos está negociando com o Wolfsburg pelo atleta de 26 anos.
Michael Sohn/AP Photo
Michael Sohn/AP Photo

Felipe Trevizan: zagueiro do Hannover 96 (ALE)

Outro alvo do Santos, Felipe faz parte de uma geração de zagueiros consistentes que o Brasil exportou para a Alemanha. Ex-Coritiba, ele está na Europa desde 2009, quando chegou ao Standard Liége, da Bélgica. Desde 2012, defende o Hannover 96, mas nunca se firmou como titular. Os interessados no jogador esperam que o rebaixamento do time na temporada passada pese a favor de um retorno para o futebol verde-amarelo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos