Fratura feia, censura a Marielle e o 1º título do ano: 10+ dos Estaduais

Do UOL, em São Paulo

  • Thiago Ribeiro/AGIF

O fim de semana dos estaduais foi tão movimentado que já definiu até o primeiro campeão de 2018: no Rio Grande do Norte, o ABC levou o título. Mas muita coisa aconteceu pelos outros estados do Brasil: para começar, João Paulo, do Botafogo, fraturou a perna em dois lugares diferentes após uma entrada de Rildo, do Vasco.

A rodada ainda teve uma boa dose de irritação diante da imprensa: em São Paulo, Fábio Carille se incomodou com um repórter após a derrota do Corinthians para o Bragantino; em Porto Alegre, D'Alessandro impediu um colega de dar entrevista depois do clássico entre Grêmio e Internacional.

1

João Paulo fratura a perna em dois lugares

O clássico entre Botafogo e Vasco começou com uma imagem forte. O botafoguense João Paulo sofreu uma entrada logo aos 2 minutos de jogo e precisou ser substituído na derrota de sua equipe por 3 a 2 diante do rival.

Ele foi encaminhado para o hospital São Vicente, no Rio de Janeiro, onde foram constatadas duas fraturas na perna, na tíbia e na fíbula. O jogador passará por cirurgia. No lance, Rildo e João Paulo foram disputar uma bola e o pé do vascaíno acabou acertando a canela do adversário.

Os jogadores do Botafogo exigiram a expulsão de Rildo, que levou o cartão amarelo e uma trombada dos rivais: foi o suficiente para que ele deslocasse o ombro e se visse obrigado a também parar por um mês.
Compartilhe
Thomaz Januzzi/Novorizontino
Thomaz Januzzi/Novorizontino

2

Zagueiro chama atletas do São Paulo de "carniças"

Depois de se referir aos jogadores do São Paulo como "carniças", o zagueiro Anderson Salles, do Novorizontino, pediu desculpa ao Tricolor. Embora tenha sido gravado no sábado, após a derrota de sua equipe para o Palmeiras, o áudio foi vazado no domingo e foi publicado inicialmente pelo Esporte Interativo.

"Nós ficamos só atrás do Palmeiras e do Corinthians [na tabela de classificação do Paulista], mano. (...) Ficamos na frente de Santos e São Paulo. A gente deu o azar de pegar o Palmeiras no mata mata... Se nós pegássemos um São Paulo da vida, meu filho... Seria de igual para igual com aquelas carniças", disse o zagueiro em conversa com um amigo.
Compartilhe
Reprodução
Reprodução

3

Estádios censuram homenagens a Marielle

Em uma página no Facebook, um grupo de torcedores do Cruzeiro denominado "Resistência Azul Popular" acusou a Minas Arena, concessionária responsável pela administração do Mineirão, de retirar uma faixa de apoio à vereadora Marielle Franco, assassinada na última quarta-feira (14), no Rio de Janeiro.

Segundo o relato, a faixa com os dizeres "#MariellePresente" foi erguida atrás de um dos gols do estádio na partida contra o Patrocinense, no local onde se concentra a Máfia Azul, principal torcida organizada do clube.

O UOL Esporte consultou a Minas Arena, que, em um primeiro momento, comunicou não ter informações sobre o ocorrido. Contudo, após meia hora, a concessionária enviou uma nota confirmando a ação e alegou que a faixa não foi previamente aprovada

Algo parecido aconteceu em Porto Alegre, durante o clássico entre Grêmio e Internacional. Membro da torcida organizada gremista Tribuna 77, o torcedor Roger Canal afirmou que a homenagem tricolor também foi retirada.

"O pessoal da segurança apenas nos pediu para retirarmos as faixas. Não explicaram o motivo. Mas muito provavelmente foi por conta do cunho político", disse ao UOL Esporte.
Compartilhe
UOL
UOL

4

Clássico paulista interrompe balada

Trânsito, rua lotada, vendedores ambulantes. O entorno do Canindé estava pronto para receber um clássico, mas tudo aquilo não era para o jogo entre Portuguesa e Juventus, na manhã deste domingo. É que o jogo aconteceu quase que paralelamente a uma balada de música eletrônica dentro da Portuguesa.

Como o "Clássico dos Imigrantes" pela Série A-2 do Campeonato Paulista foi marcado para as 10 horas, a festa eletrônica que ocorria numa estrutura colada ao estádio, já dentro do clube, teve que acabar um pouco mais cedo que o previsto.

Enquanto garotos sem camisa expunham seus músculos e seus óculos escuros espelhados nas ruas do entorno, muitos de cerveja na mão, famílias chegavam de camisas rubro-verdes e encontravam trânsito. No estacionamento do estádio, mais confusão. Havia mais carros saindo do que chegando.
Compartilhe
Daniel Vorley/AGIF
Daniel Vorley/AGIF

5

Carille dá invertida em repórter

Deu o que falar a substituição de Fagner no domingo, durante a derrota corintiana para o Bragantino por 3 a 2. No segundo tempo, o lateral fez um gesto ao banco de reservas, como se tivesse sentido incômodo muscular, e por isso foi trocado por Fábio Carille. O técnico confirmou as dores, mas se irritou ao ser questionado sobre o assunto.

Em determinado momento da entrevista coletiva, um repórter perguntou o motivo da substituição de Fagner. Teria sido uma solicitação do jogador ou um plano de Carille para preparar Mantuan para a segunda partida? O técnico interrompeu e discursou que a imprensa deveria "prestar mais atenção no jogo".
Compartilhe
Ale Cabral/AGIF
 Ale Cabral/AGIF

7

Aguirre insiste em erros e São Paulo sofre

Diego Aguirre certamente não esperava estrear com uma derrota pelo São Paulo, como aconteceu no último sábado diante do São Caetano. E também não esperava um desempenho tão ruim, com um time tão travado em campo. Não faltavam, porém, indícios e alertas sobre o tipo de equipe que ele decidiu escalar na abertura das quartas de final do Campeonato Paulista.

O uruguaio, assim como Dorival Júnior já havia feito, pagou para ver um Tricolor com Cueva, Nenê e Diego Souza juntos. Quis tirar dúvidas, conclusões próprias. Mas e o clube?
Compartilhe
Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo

8

Jogador do Náutico desmaia, mas passa bem

Na vitória do Náutico por 1 a 0 sobre o Afogados, o meia Wallace Pernambucano sofreu uma pancada na cabeça em dividida com Thyego e caiu desacordado aos 26 minutos do segundo tempo.

O atendimento médico foi imediato, de modo que ele logo recuperou os sentidos e até chegou a voltar ao jogo. No entanto, a equipe médica do Náutico exigiu a saída de Wallace e o deixou irritado.
divulgação/ABC
divulgação/ABC

9

ABC é campeão

O ABC não entrou em campo neste domingo, mas comemorou o Campeonato Potiguar após a derrota do América-RN, segundo colocado, para o Santa Cruz de Natal.

Não foi só o título estadual: o ABC chegou a 55 taças e se tornou o clube com mais conquistas de um único torneio em todo o planeta. Com isso superou o Rangers, que foi campeão escocês em 54 oportunidades.
divulgação/Goiás
divulgação/Goiás

10

Goiás homenageia aniversário de Fernandão

Falecido em junho de 2014, Fernandão teria completado 40 anos neste domingo. Por isso, o Goiás foi para o jogo contra o Iporá, pelo Campeonato Goiano, com homenagens ao ídolo nas camisas.

O número 9, com o qual o atacante ficou conhecido, esteve presente nas costas de todos os jogadores - se o número de um determinado atleta fosse 5, por exemplo, ele vestiria a camisa 9.5.

Segundo o clube, um dos uniformes será doado para uma instituição, que fará um leilão beneficente. A homenagem foi bonita, mas o Goiás terminou goleado por 4 a 1 diante de um adversário que acabou eliminado matematicamente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos