Topo

Esporte


Camisinha, fraldas e Viagra: as propagandas mais exóticas de atletas

Do UOL, em São Paulo

2019-03-21T04:00:00

21/03/2019 04h00

O jogador português Cristiano Ronaldo inaugurou nessa semana uma clínica de implante capilar em Madri. Mas ele não é o único atleta a se aventurar em indústrias muito diferentes de seu ramo de atuação. Como garotos-propaganda, esportistas já emprestaram seu prestígio para campanhas de marketing de produtos tão diferentes como fraldas geriátricas ou drogas para impotência sexual.

Veja abaixo uma lista das ações publicitárias mais exóticas protagonizadas por personalidades do esporte.

  • Reprodução

    Ronaldinho Gaúcho: camisinhas

    Quando estava em alta no Atlético-MG, o Bruxo assinou com a marca de preservativos Sex Free, que trazia na embalagem uma foto do jogador e o slogan "Eu Sou Galo". Dias depois do lançamento do produto, Ronaldinho pediu ajuda para seus fãs para distribuir 50 mil unidades para uma instituição em uma tentativa de combate à transmissão de doenças venéreas. Leia mais

  • Cristiano Ronaldo: equipamento para malhar o rosto

    O astro português atrai marcas dos mais diferentes ramos de atuação. Mas, quando explora o mercado japonês, o atual atacante da Juventus costuma surpreender ocidentais. Em 2014, o jogador protagonizou a campanha de um estranho produto: um equipamento para exercitar os músculos da face.

  • Messi: limpador de rosto

    Por falar em Japão, Lionel Messi também costuma dar as caras nas publicidades de lá. Uma das propagandas mais exóticas do argentino mostra o craque lavando o rosto com o produto Scalp-D. Na propaganda, Messi até arrisca falar em japonês.

  • Rafael Palmeiro: Viagra

    "Dinheiro fácil." Com essas duas palavras, Rafael Palmeiro, baseman do Texas Rangers, explicou em 2002 a decisão de participar de uma campanha publicitária do mais famoso remédio para impotência sexual masculina. O jogador de beisebol, que afirmou ter usado Viagra mesmo sem precisar, recebeu 2 milhões de dólares por cinco horas de trabalho.

  • Tony Siragusa: fraldas geriátricas

    Vencedor do Superbowl com o Baltimore Reavens, Tony Siraguso já tinha virado repórter de campo da Fox quando protagonizou a campanha de um produto difícil: fraldas geriátricas. De acordo com o ex-defensive tackle, as fraldas Depends trazem duas camadas que oferecem proteção extra ao homem moderno.

  • Muhammad Ali: armadilha para baratas

    O maior boxeador de todos os tempos não lutou apenas contra o racismo, mas também contra baratas. Em um comercial do final dos anos 70, Muhammad Ali aparece exibindo uma armadilha para o inseto asqueroso, conhecida como Dcon. "Eu te disse que não gosto de conviver com baratas", afirma ele na peça.

  • Gareth Southgate: Pizza Hut

    O atual técnico da seleção inglesa foi protagonista de um dos inúmeros dramas do futebol inglês ao perder um pênalti e ver seu time ser eliminado na Euro de 96 contra a Alemanha. Logo depois, gravou um comercial para a Pizza Hut no qual brinca com seu erro. A peça é um exemplo bem-acabado do que se pode chamar de humor inglês, mas Southgate já disse que se arrepende tê-la feito.

  • Ronaldo e Milene: leite materno

    Ronaldo e Milene Domingues aproveitaram o prestígio e o nascimento do filho Ronald para se engajar em uma campanha sobre aleitamento materno no início dos anos 2000. Com apoio da Globo, a propaganda sugere que a amamentação transformaria Ronald em um craque de bola.

  • Stephen Curry: filtros de água

    Um dos maiores astros da NBA protagonizou uma curiosa campanha publicitária para os filtros de água Brita. Em um dos vídeos, o jogador do Golden State Warrios aparece como o amigo imaginário que orienta um rapaz a deixar de consumir água engarrafada. "Você não se preocupa com o planeta, amigo?"

  • Zak Hussein / PA Images via Getty Images

    David Beckham: isca de peixe

    Em 2008, David Beckham começou uma cruzada pessoal pela alimentação saudável no Reino Unido. Um dos produtos anunciados foi um pacote de iscas de peixe vendido no popular supermercado Tesco. "Como pai, sei da importância de alimentar bem nossas crianças", disse o jogador de futebol mais popular da Inglaterra na ocasião.

Mais Esporte