Casemiro brilha e ofusca Daniel Alves em final: os brasileiros pelo mundo

Do UOL, em São Paulo

  • Reuters / Phil Noble

    Final da Liga dos Campeões colocou brasileiro de Real Madrid e Juventus em destaque

    Final da Liga dos Campeões colocou brasileiro de Real Madrid e Juventus em destaque

A final da Liga dos Campeões da Europa marcou o futebol mundial no fim de semana. E a vitória do Real Madrid sobre a Juventus por 4 a 1 ajudou a coroar a temporada de um brasileiro do time espanhol: Casemiro, autor de um dos gols.

O ex-são-paulino, porém, não foi o único sob os holofotes. Finalistas com a Juventus, Daniel Alves e Alex Sandro não evitaram a derrota italiana - e receberam críticas da imprensa após o jogo em Cardiff (País de Gales).

Fora da Europa, os brasileiros estiveram em ação na China, por exemplo, de novo indo às redes. 

 

Quem foi bem?

@ORLPride/Twitter
@ORLPride/Twitter

Marta (Orlando Pride)

A temporada do Orlando Pride na National Women's Soccer League (NWSL) até aqui é irregular: em oito jogos, foram duas vitórias, três empates e três derrotas. No entanto, Marta fez sua parte para a equipe da Flórida vencer o Boston Breakers neste sábado. De pênalti, a camisa 10 abriu o placar na vitória por 2 a 0.
Hebei China Fortune FC/Osport/Divulgação
Hebei China Fortune FC/Osport/Divulgação

Aloísio (Hebei China Fortune)

O Hebei China Fortune visitou o Jiangsu Suning e saiu atrás: Xiang Ji abriu o placar aos 42 min do primeiro tempo. Após o intervalo, porém, brilhou a estrela do atacante Aloísio, ex-Chapecoense, Figueirense e São Paulo. Com gols aos 10 min e aos 20 min, o 'Boi Bandido' virou o jogo e deu a vitória ao time do técnico Jinyu Li, que ocupa a terceira posição da Superliga Chinea.
Shanghai SIPG/Divulgação
Shanghai SIPG/Divulgação

Hulk (Shanghai SIPG)

Mas Aloísio não foi o único brasileiro a marcar duas vezes na China neste final de semana. Na vitória do Shanghai SIPG sobre o Liaoning Hongyun por 4 a 1, Hulk abriu o placar aos 25 min do segundo tempo, e voltou a balançar as redes em cobrança de pênalti aos 36 min. O Shanghai SIPG é vice-líder da liga chinesa.

Quem foi mal?

Reuters / John Sibley
Reuters / John Sibley

Dani Alves (Juventus)

Destaque da Juventus nas semifinais da Liga dos Campeões, o lateral direito teve atuação apagada na final da competição diante do Real Madrid. Embora elogiado pela imprensa espanhola, foi alvo de cobranças nos diários italianos. "Quando Cristiano Ronaldo se posicionou mais para o centro da área, resolveu um problema para Daniel Alves. Mas foi um pecado que isso não tenha se transformado em mais ações ofensivas", lamentou o jornal Corriere dela Sera.
Compartilhe

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos