Topo

Vasco

Sem clube desde 2017, Luxa virou youtuber e criou marca própria de cachaça

Pedro Vilela/Getty Images
Trabalho no Sport foi o mais recente como técnico, entre maio e outubro de 2017 Imagem: Pedro Vilela/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

2019-05-09T04:00:00

09/05/2019 04h00

Vanderlei Luxemburgo fechou contrato com o Vasco até o fim de 2019 e voltará a trabalhar depois de passar um ano e sete meses desempregado. O último clube que ele dirigiu foi o Sport, entre maio e outubro de 2017. Após disso, mesmo apontado como alternativa para diversos clubes que trocaram de treinador no período, não assumiu nenhum.

Ele aproveitou os quase dois anos afastado da profissão que o consagrou com cinco títulos do Campeonato Brasileiro e passagens por Real Madrid e seleção brasileira para se dedicar a outros negócios. Luxa é dono de uma produtora de cachaça em Alagoas, sabia? E amanhã tem o lançamento da edição limitada Vanderlei Luxemburgo, assinada por ele. O problema é que o muso inspirador da cachaça não poderá comparecer. Estará observando o Vasco que enfrenta o Santos de Jorge Sampaoli na Vila Belmiro.

  • Reprodução/Instagram

    Cachaçaria

    Em junho do ano passado, Luxemburgo tornou-se proprietário de uma cachaçaria chamada Brejo dos Bois, em Alagoas. Ele comprou o alambique de um amigo do pôquer e passou a investir no negócio, com visitas frequentes à cidade de Arapiraca. Luxa vive fazendo propaganda das bebidas em suas redes sociais.

  • Reprodução

    Mé personalizado

    A "Brejo dos Bois Reserva Especial Vanderlei Luxemburgo" será lançada amanhã em um bar da Vila Madalena, em São Paulo. Luxa, que é frequentador assíduo do local, compareceria ao evento. A garrafa vem com assinatura do treinador.

  • Divulgação/Asa

    Patrocinador

    Por meio do "Residencial Luxemburgo", condomínio em construção em Alagoas, e da cachaça, o treinador passou a virar investidor e estampou suas marcas na camisa do ASA, tradicional clube do Estado. Ele também foi uma espécie de conselheiro do clube, com sugestões para reformas no estádio e planejamento.

  • Reprodução

    Youtuber

    Em junho do ano passado, Luxemburgo lançou o "Canal do Luxa" no YouTube. Ele soma 73 mil inscritos e mais de 1,4 milhão de visualizações em 78 vídeos postados. São lembranças da carreira e comentários da rodada. O último foi publicado terça-feira e era justamente sobre as especulações de seu acerto com o Vasco.

  • Divulgação

    Convidado na TV

    Vanderlei Luxemburgo foi frequentador assíduo de programas de entrevistas e debates esportivos ao longo do último um ano e sete meses. Ele esteve em todos os canais de TV esportivos, entrou em discussões e explanou sobre o esquema tático 4-1-4-1 que ele aplicou no futebol brasileiro pela primeira vez.

  • Reprodução/Instagram

    Elegância

    Luxemburgo exibe rotineiramente nas redes sociais os óculos estilosos que tem usado. Renovou o visual.

  • Reprodução/Instagram

    De novo (e de novo) na TV

    Já mencionei que ele deu algumas entrevistas durante esse período sem clube? Pois é. Haja tempo no ar para dizer que não está desatualizado e até chamar o comentarista Mauro Cezar Pereira para um debate de ideias.

  • Divulgação/CBF

    Professor

    No fim do ano passado, Luxemburgo recebeu uma licença honorária de treinador concedida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e ainda deu aulas no curso da Licença Pró, o mais alto gabarito da profissão no país.

  • Divulgação/R7

    Multimídia

    Em janeiro, o treinador virou sócio-proprietário da TV Jovem Tocantins, afiliada da Record TV na cidade de Palmas. O anúncio da parceria foi pomposo e envolveu reuniões com altos executivos da emissora em São Paulo.

  • Zoeiro

    As férias terminaram do melhor jeito, com pastel, caldo de cana e ironias a um jornalista em frente ao estádio do Pacaembu. Ontem ele já viajou ao Rio de Janeiro para começar o trabalho no Vasco.