Trator, mordomo e jatinho. Conheça as exigências surreais dos jogadores

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Alexander Hassenstein/Getty Images

    Zlatan Ibrahimovic afirma em seu livro que fez de tudo para não assinar com o PSG

    Zlatan Ibrahimovic afirma em seu livro que fez de tudo para não assinar com o PSG

Na manhã da última quarta-feira (07), o Football Leaks indicou que o atacante Kylian Mbappé esteve muito próximo de fechar acordo com o Real Madrid. Porém, o time madrileno recusou alguns desejos do francês, como: um mordomo, um motorista particular e um segurança.

Por sua vez, o Paris Saint-Germain se dispôs a realizar os "pedidos" de Mbappé e ainda desembolsou 180 milhões de euros (cerca de R$771 milhões na cotação atual).

Apesar de ser o caso mais recente, não foi a primeira vez que atletas renomados no mundo da bola fizeram algumas exigências para cravarem a sua transferência a uma outra equipe.

Relembre alguns desejos dos jogadores que vão de uma praia particular a um trator:

As exigências mais surreais dos jogadores

Valerio Pennicino/Getty Images
Valerio Pennicino/Getty Images

Tudo que eu queria era um trator

Moise Kean é uma das grandes promessas para o futuro da Juventus. Antes da renovar com a equipe italiana, o pai do atacante não o deixou assinar o contrato por um motivo: a Juve prometeu um trator e equipamentos agrícola há anos atrás e não cumpriu o acordo.
Alexander Hassenstein/Getty Images
Alexander Hassenstein/Getty Images

Ibrahimovic fez de tudo para não assinar com o PSG, mas assinou...

Zlatan Ibrahimovic sempre foi conhecido por não ter papas na língua. Sabendo que seria negociado pelo Milan no verão de 2012, o sueco recebeu uma oferta do PSG, mas o atacante não se motivou muito com a oportunidade de conhecer Paris e fez exigências inaceitáveis para receber uma recusa da equipe francesa. "Quando terminei de falar com o PSG disse a minha mulher que jamais aceitaria minhas exigências. Depois de vinte minutos recebi uma mensagem que dizia: 'você tem tudo aprovado'". Aceitei porque sou um homem de palavra, afirmou Zlatan.
Michael Regan/Getty Images
Michael Regan/Getty Images

Van der Vaart aceitava tudo, menos a cor vermelha

O meia Van der Vaart anunciou a sua aposentadoria no começo do mês de novembro. Porém, em 2015, quando foi a contratação de maior destaque do Real Bétis, da Espanha, segundo o Football Leaks, o holandês solicitou que "podia usar qualquer chuteira, mas em nenhum caso poderia ter a cor vermelha", pelo fato de ser a cor da equipe rival. Por esse 'empecilho' colocado pelo jogador, ele recebeu 14 parcelas de R$ 490 mil cada.
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Daniel Agger: "Eu quero um merchan"

O zagueiro dinamarquês Daniel Agger voltou a vestir a camisa da equipe que o revelou, o Brondby, em 2014. Mas para voltar, o jogador pediu que nos jogos que fossem em casa, o time estaria obrigado a ter em sua camiseta o nome da empresa do zagueiro, a Kloagger.
David Ramos/Getty Images
David Ramos/Getty Images

A polivalência de Vermaelen tem um preço

O zagueiro do Barcelona Thomas Vermaelen incluiu em seu contrato com a equipe da Catalunha o valor de R$ 429 mil reais por aceitar jogar em qualquer posição do campo.
Gabriele Maltinti/Getty Images
Gabriele Maltinti/Getty Images

O silêncio por Cristiano Ronaldo

O Football Leaks divulgou que o atual jogador da Juventus exigiu silêncio absoluto de seus empregados pela intimidade do português. Era proibido falar algo 'até 70 anos depois da morte de Cristiano Ronaldo ou o último de sua família'.
Michael Regan/Getty Images
Michael Regan/Getty Images

"Perdendo ou ganhando, quero estar faturando", Hugo.

O goleiro campeão do mundo pela França na Copa da Rússia, Hugo Lloris exigiu algumas cláusulas curiosas em seu contrato com o Tottenham. A cada vez que o jogador for titular da equipe ele ganha R$ 34 mil, em caso de vitória o valor vai a R$ 39 mil e mesmo empatando ou perdendo, o goleiro embolsa R$ 17 mil.
Manuel Queimadelos Alonso/Getty Images
Manuel Queimadelos Alonso/Getty Images

Lavezzi: "não quero ser 'só' o homem mais bem pago"

O argentino Ezequiel Lavezzi foi anunciado pelo Hebei Fortune, da China, em fevereiro de 2016 e na época seria o jogador mais bem pago do mundo: 131 milhões de reais, por dois anos de contrato. Porém, o atacante não pareceu estar apenas satisfeito com 'só' isso. Ao chegar na equipe chinesa ele exigiu duas casas totalmente mobiliadas, dois carros, um motorista e um cozinheiro particular.
Shaun Botterill /Getty Images
Shaun Botterill /Getty Images

Adebayor: "Eu quero tudo e mais um pouco"

O atacante Adebayor esteve muito perto de ser anunciado pelo Lyon, da França, mas as exigências feitas pelo togolês não foram bem recebidas pelos dirigentes da equipe. Ele pediu uma mansão com vista para a Córsega - quarta maior ilha do Mar Mediterrâneo, um helicóptero, um chef particular e ainda pegar a camisa 10 de Alexander Lacazzette, um dos ídolos da equipe. Após ouvir os pedidos do atacante, a equipe francesa não pensou duas vezes em desfazer o acordo.
Aurelien Meunier/Getty Images
Aurelien Meunier/Getty Images

Hotéis Neymar Jr.

Alguns meses antes de oficializar a contratação de Neymar, o PSG já sonhava em ter o craque brasileiro em Paris. Porém, de acordo com o jornal francês L'Equipe, o presidente da equipe Nasser Al-Khelaifi não concordou com os termos impostos pelo Neymar Pai, como: 25 milhões de euros de salário por ano (mais de R$ 1 bilhão), cobrir toda a dívida do atacante com a Receita Espanhola e ainda ganhar uma cadeia de hotéis com seu nome. No dia 2 de agosto de 2017, o Paris Saint-Germain anunciou a contratação do brasileiro, com um salário ainda maior ao anterior.
Gallo Images/Getty Images
Gallo Images/Getty Images

O jatinho de Maradona

Mesmo após ter pendurado as chuteiras em 1997, Diego Armando Maradona sempre esteve próximo ao futebol. Em 2011, ele aceitou o desafio de treinar uma equipe nos Emirados Árabes Unidos, o Al Wasl, porém pediu como garantia do acerto um jatinho particular para viajar à Espanha e poder visitar sua filha e sua neta. Essa história durou menos de um ano, após a demissão do argentino.
Paolo Bruno/Getty Images
Paolo Bruno/Getty Images

Uma praia para Gervinho

Não foi apenas o futebol brasileiro que sofreu com o avanço do mercado do futebol chinês. Gervinho, destaque da Roma de 2013 a 2016, também foi seduzido pelas cifras. Além do dinheiro, o atacante marfinense fez pedidos que fizeram os chineses recuarem na negociação, como: uma praia privada, uma mansão para toda sua família, um helicóptero e passagens de avião para quando quisesses voltar ao seu país.
Freelancer/Getty Images
Freelancer/Getty Images

Ronaldinho ostentação

Ronaldinho Gaúcho sempre foi conhecido ao longo da sua carreira pelas festas frequentadas, a quantidade de mulheres que ele carregava e os 'rolês aleatórios'. Mas, não é só de festa que vive um homem. Para assinar seu contrato com a equipe mexicana Querétaro, o R10 solicitou aos dirigentes do clube mexicano: uma casa com piscina, uma quadra de futebol de areia, uma quadra de futebol Society e quatro mordomos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos