Xuxa, Abílio Diniz... Veja oito "abonados" que poderiam comprar o seu time

Do UOL, em Santos (SP)

  • Leonardo Aversa/Agência O Globo

    Irmãos João (e) e Walter Moreira Salles posam para ensaio fotográfico no Rio

    Irmãos João (e) e Walter Moreira Salles posam para ensaio fotográfico no Rio

Na semana passada, a notícia de que os irmãos João e Walter Moreira Salles estudam assumir o comando do futebol do Botafogo pegou os torcedores de surpresa e deixou a torcida empolgada. A milionária e tradicional família contratou uma empresa para auditar as contas do clube e elaborar um modelo que viabilize a "compra" do futebol alvinegro. Mas e se isso virasse algo comum entre os abonados no Brasil? Como seria? O UOL Esporte preparou algumas sugestões de bilionários e milionários que poderiam se arriscar no futebol. Confira:

QUEM PODERIA COMPRAR O SEU TIME

ANDRÉ FABIANO/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO
ANDRÉ FABIANO/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO

Xuxa (Flamengo)

Será que a Rainha dos Baixinhos compraria o Flamengo? Depois de 30 anos de TV Globo, a apresentadora que hoje trabalha na TV Record acumulou milhões - ou até bilhões - ao longo da carreira como apresentadora e sempre foi rubro-negra declarada.
Divulgação/Record
Divulgação/Record

João Doria (Santos)

Ex-prefeito de São Paulo e eleito governador do Estado, o milionário João Doria já deu entrevistas afirmando que seu amor pelo Santos surgiu quando ainda tinha seis anos. Ele ainda acompanha o time e talvez fosse uma boa opção para tentar elevar ainda mais o patamar do clube da Vila Belmiro. Será?
Zee Nunes/Cortesia Vogue Brasil
Zee Nunes/Cortesia Vogue Brasil

Gisele Bundchen (Grêmio)

Casada com o astro da NFL Tom Brady, Gisele Bundchen também se encanta com futebol e é gremista declarada. Imagine se a ex-top model - que por muito tempo foi a modelo mais bem paga do mundo - resolvesse apostar nesse novo ramo e comprar o seu clube de coração... Será que seria uma boa?
Moacyr Lopes Junior-31.ago.2015/Folhapress
Moacyr Lopes Junior-31.ago.2015/Folhapress

Abílio Diniz (São Paulo)

Fanático por futebol e são-paulino roxo, o empresário bilionário Abílio Diniz, ex-dono do Grupo Pão de Açúcar, chegou até a ser membro do conselho consultivo do clube do Morumbi. Porém, em 2016, atritos entre o empresário e a diretoria do São Paulo acabaram fazendo com que ele se afastasse do time.
Mastrangelo Reino/Folhapress
Mastrangelo Reino/Folhapress

Joseph Safra (Corinthians)

Fundador do Banco Safra, o bilionário Joseph Safra é o segundo homem mais rico do Brasil - atrás apenas de Jorge Paulo Lemann, segundo a última lista da Forbes. Ele já foi visto acompanhado dos filhos nos jogos do Corinthians e poderia ser uma opção para "comprar" o clube alvinegro.
Divulgação
Divulgação

Família Sendas (Vasco)

A família que leva o nome do Sendas, antiga rede de supermercados do Rio de Janeiro, seria uma alternativa para investir no Vasco. Filho do já falecido Arthur Sendas, ex-dono da rede varejista, Nelson Sendas já atua na política do Vasco e é ligado a Julio Brant, líder da oposição no clube cruzmaltino.
Ana Paula Paiva/AG. ISTOE
Ana Paula Paiva/AG. ISTOE

Delcir Sonda (Internacional)

O empresário milionário já ajudou o Internacional em muitas negociações sem sequer cobrar de volta o valor investido. Se alguém poderia comprar o Colorado, certamente seria ele.
Divulgação
Divulgação

Pedrinho dos Supermercados BH (Cruzeiro)

Pedro Lourenço até tem algumas participações no Atlético-MG, mas é torcedor, conselheiro e ajuda diretamente e frequentemente o Cruzeiro. Ele sempre é a alternativa quando o clube precisa de dinheiro rápido para pagar alguma pendência. Faz empréstimos, ajuda a trazer jogadores e já disponibilizou até avião particular para viagem dos diretores. Dentro de campo, estampa sua marca no uniforme do Cruzeiro e já patrocinou até a equipe do Sada, de vôlei.

UOL Cursos Online

Todos os cursos