UOL Esporte Futebol
 
15/08/2009 - 13h07

Reforços jogam bem, e City vence Blackburn na estreia do Inglês

Do UOL Esporte
Em São Paulo
Com os maiores investimentos da Premier League, o Manchester City tem o dever de se firmar entres os grandes da Inglaterra. Ao menos pelo jogo de estreia, provou que pode, mas ainda tem muito a melhorar. Com dificuldades, a equipe contou com o bom desempenho dos reforços milionários para vencer o Blackburn, neste sábado, por 2 a 0, fora de casa.

O City não correspondeu às expectativas criadas, sofreu forte pressão, mas teve a atuação salva pelos novatos e construiu a vitória graças a um belo gol de um deles, Emmanuel Adebayor, com apenas dois minutos de jogo. Ireland ampliou já nos acréscimos.

Das contratações milionárias que, juntas, custaram cerca de 120 milhões de euros, estiveram em campo como titulares ainda Kolo Touré (ex-Arsenal) e Gareth Barry, ex-Aston Villa.

O mais caro, o argentino Carlos Tevez, vindo do rival Manchester United, ficou no banco de reservas e entrou aos 23 minutos do segundo tempo no lugar do brasileiro Robinho, que pouco fez. Já o paraguaio Roque Santa Cruz, contratado justamente junto ao Blackburn, se recupera de uma cirurgia no joelho.

O jogo começou com um cartão de visitas. Aos 2 minutos, Adebayor começou bela jogada ainda no campo de defesa, tocou para Shaun-Wright Philips, que cortou a zaga, rolou para o meio e, de primeira, novamente Adebayor chutou forte da entrada da área.

A partida continuou movimentada com o City priorizando o toque de bola e trabalhando as jogadas. Mas o Blackburn não se abateu com o gol e cresceu no jogo merecendo até o empate com forte pressão, principalmente com jogadores como Samba e Roberts.

No segundo tempo, os mandantes novamente ficaram em cima, buscando o empate e o City precisou contar com a boa atuação do goleiro Shay Given. No contra-ataque, os visitantes chegavam às suas melhores chances e assim saiu o segundo gol. Aos 46 minutos, Ireland recebeu de Philips, driblou o goleiro e teve tranquilidade para marcar.

Nos outros jogos da primeira rodada, o Sunderland provou que os 11,8 milhões de euros gastos com Darren Bent, contratação mais cara de sua história, valeram a pena. Com gol do atacante aos 5 minutos de jogo, a equipe venceu o Bolton por 1 a 0 fora de casa.

O Fulham também estreou com um triunfo longe de seus domínios ao vencer o Portsmouth por 1 a 0. O atacante Bobby Zamora marcou o gol da vitória. Já o Aston Villa foi surpreendido pelo pouco tradicional Wigan Athletic, em casa, com uma derrota por 2 a 0, gols de Hugo Rodallega e Jason Koumas.

Os times que vieram da League Championship, a segunda divisão inglesa, não começaram com o pé direito. O Burnley foi derrotado pelo Stoke City por 2 a 0, fora de casa prejudicado por um gol contra de Stephen Jordan. Ryan Shawcross também marcou para o time da casa.

Enquanto o campeão da League Championship na última temporada, Wolverhampton, também conheceu sua primeira derrota e diante de sua torcida. O revés foi para o West Ham por 2 a 0.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host
    Premier League, o Manchester City tem o dever de se firmar entres os grandes da Inglaterra. Ao menos pelo jogo de es%>