UOL Esporte Futebol
 
12/09/2009 - 16h55

Kaká 'vira' garçom, e Real mantém 100% com triunfo sobre Espanyol

Do UOL Esporte
Em São Paulo
Com Cristiano Ronaldo poupado durante boa parte do jogo, coube à outra contratação 'galáctica' do Real Madrid comandar a equipe à segunda vitória em duas rodadas de Campeonato Espanhol. Neste sábado, o brasileiro Kaká encontrou espaços em meio ao truncado esquema do anfitrião Espanyol e foi um dos grandes responsáveis pelo triunfo merengue por 3 a 0 sobre os catalães, na estreia oficial do recém-construído estádio Cornellà-El-Prat.

Manu Fernandez/AP
Kaká liderou meio-campo do Real Madrid
e foi decisivo na vitória sobre o Espanyol
IMAGENS DO FUTEBOL PELO MUNDO
BARCELONA E REAL: CAMPANHA 100%
ESTRELAS COMANDAM O BARCELONA
LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE FUTEBOL
O meia contratado por 65 milhões de euros junto ao Milan em junho foi a referência no setor ofensivo madrileno. Na ausência do astro ex-Manchester United, poupado depois de atuar pela seleção portuguesa no meio de semana, Kaká deu a assistência para o gol do meio-campista Esteban Granero no final do primeiro tempo.

Na segunda etapa, já com Cristiano Ronaldo em campo, ele deu mais uma assistência, desta vez para Guti ampliar. Nos acréscimos, o astro português aproveitou falha de marcação e selou o resultado, mantendo os 100% de aproveitamento do milionário elenco do Real - na abertura, há duas semanas, o time da capital derrotou o Deportivo La Coruña por 3 a 2 no estádio Santiago Bernabéu.

Foi do próprio Kaká a cobrança de escanteio que por muito pouco não abriu o placar na cidade de Barcelona aos 5min. Entretanto, o zagueiro alemão Christoph Metzelder pegou muito mal na bola e, mesmo da pequena área, jogou sua finalização sobre o travessão defendido pelo goleiro camaronês Kameni.

O Espanyol, por sua vez, pouco conseguia criar para furar a forte defesa dos 'galácticos'. Entre chutes de longa distância e bolas alçadas na área, um lance chamou a atenção em especial: aos 20min, o zagueiro argentino Nicolás Pareja se aventurou na área de ataque e ajeitou para a chegada do volante Moisés, que bateu para o gol e obrigou o goleiro Iker Casillas a usar de agilidade e reflexo para impedir que os donos da casa saíssem na frente do marcador.

HOMENAGEM A JARQUE
Antes de a bola rolar no Cornellà-El-Prat, o Espanyol prestou mais uma homenagem Daniel Jarque. O zagueiro morreu em agosto, aos 26 anos, ao sofrer um ataque cardíaco durante a pré-temporada. Uma grande bandeira com o rosto do atleta cobriu parte das arquibancadas do estádio catalão, além de 1min de silêncio ter sido feito - e respeitado por atletas e torcedores - em memória a Dani.
VEJA AS PRÓXIMAS RODADAS
Na segunda parte da etapa inicial, Kaká apareceu mais para o jogo com um toque de apurada visão de jogo. Aos 37min, o brasileiro ajeitou de peito uma bola para o lateral Marcelo, que invadiu a área e finalizou de perna direita. Kameni se esticou e defendeu a jogada com o braço direito.

Um minuto depois, Kaká mais uma vez brilhou. Depois de receber um passe de Granero na meia-lua, o camisa 8 do Real deu um passe objetivo e deixou o espanhol na cara do gol, livre de marcação. Depois da boa tabela com o brasileiro, restou a Granero apenas bater cruzado, para o fundo das redes de Kameni, para colocar os visitantes em vantagem.

A morna segunda etapa de jogo no Cornellà-El-Prat ganhou agitação apenas quando o técnico chileno Manuel Pellegrini sacou o centroavante francês Karim Benzema e promoveu a entrada de Cristiano Ronaldo aos 20min. Três minutos depois, o português bateu uma falta sem perigo para Kameni, que encaixou no centro do gol. Mais perigo levou o atacante Raúl Tamudo, do Espanyol, que armou uma bicicleta na área e assustou Casillas pouco depois.

Aos 32min, quando o atacante Raúl também já estava em campo pelo Real, Kaká seguiu comandando o ataque do Real e criou o gol que definiu a vitória de sua equipe. Depois de fazer boa jogada pela esquerda, o camisa 8 cruzou a bola na área para o meio-campista Guti escorar para as redes. Depois do lance, o brasileiro foi substituído pelo francês Lassana Diarra e virou espectador privilegiado nos minutos finais do jogo.

Assim, Cristiano Ronaldo aproveitou os minutos finais de partida para finalizar o marcador na Catalunha. Aos 46min, a defesa do Espanyol parou e deixou o português disparar, sozinho, pela direita. Dentro da área, o camisa 9 deu um toque entre as pernas de Kameni e fechou a conta para o Real.

O Real Madrid volta ao Bernabéu na próxima rodada, quando recebe o recém-promovido Xerez, do goleiro brasileiro Renan (ex-Internacional). Antes, porém, os Merengues estreiam terça-feira na Liga dos Campeões da Europa, diante do Zürich, na Suíça. Já o Espanyol deixa a Catalunha e ruma à Galícia, onde busca seu primeiro ponto no campeonato diante dos anfitriões Deportivo La Coruña.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host