UOL Esporte Futebol
 
20/12/2009 - 14h10

Rafael Moura cogita adeus do Atlético-PR e promete desabafar em janeiro

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Rafael Moura vive situação curiosa no Atlético-PR. Pouco aproveitado durante boa parte do segundo semestre, o atacante terminará a temporada como principal goleador do time, com 19 gols, dois a mais que Marcinho. Sem perspectivas para 2010 no clube paranaense, Moura admite descontentamento e promete expor com mais clareza sua insatisfação somente em janeiro.

“Não me vejo mais no Atlético, mas é o clube quem decide o que fazer”, disse Moura, em entrevista à Gazeta do Povo.

Por enquanto, o jogador prefere evitar críticas, seja para dirigente ou para algum membro da comissão técnica.

“Vocês da imprensa e os torcedores podem ficar tranqüilos que ainda vou falar. Em janeiro, quando minha situação estiver resolvida, falarei tudo o que está engasgado”, avisou.

O atacante dividiu opiniões entre torcida e diretoria. Parte do público exigia seu retorno. Outra ala apontava Moura como um dos responsáveis pelo clima instável no elenco durante disputa do Campeonato Brasileiro.

Vários atacantes foram utilizados no torneio para suprir a vaga de Moura. Sem o “He-Man”, o Atlético sofreu ofensivamente, tendo o pior ataque do Brasileiro, com apenas 42 gols marcados em 38 jogos.

Encostado no Atlético-PR e com limite estourado de jogos no Nacional, Moura treinou separadamente nos últimos meses.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host