UOL Esporte Futebol
 
23/12/2009 - 21h57

Messi quer título da Copa do Mundo com a Argentina para superar 2009

Das agências internacionais
Em Buenos Aires (Argentina)

O meia-atacante da seleção argentina e do Barcelona, Lionel Messi, afirmou nesta quarta-feira, ao chegar à cidade de Buenos Aires, que só há uma maneira do ano que vem ser mais especial que 2009: conquistando o título da Copa do Mundo da África do Sul pelo seu país.

“Com esse 2009 que tive, o ano que vem só será melhor se eu vencer o Mundial”, disse Messi, em sua chegada ao aeroporto internacional de Ezeiza. O jogador, eleito melhor jogador de futebol do mundo pela Fifa neste ano, irá passar as festas de fim de ano em seu país natal.

Questionado sobre suas críticas em relação à queda de rendimento pela seleção argentina em comparação ao Barcelona, Messi garantiu que “faz o mesmo esforço pelas duas equipes” e completou: “Se não consegui jogar o mesmo até agora, não é porque eu não quis”.

“Tenho muita esperança que eu possa melhorar meu rendimento na seleção. É o que mais quero”, disse o camisa 10 do Barcelona, que não participou da derrota da Argentina para a seleção da Catalunha, nesta terça-feira, por estar com uma lesão no tornozelo. Os comandados de Maradona - que assistiu ao jogo das tribunas - perderam por 4 a 2.

Messi também negou ter provocado a torcida do Estudiantes quando comemorou seu gol pelo Barcelona, o qual deu a vitória do Mundial de Clubes à equipe espanhola. “Não tem nada a ver, era o gol da final de um torneio muito importante. Não desrespeitei ninguém”, explicou.

Pelo Barcelona, o argentino Lionel Messi ganhou seis títulos no ano de 2009 – Mundial de Clubes, Liga dos Campeões, Liga da Espanha, Supercopa da Europa, Supercopa da Espanha e a Copa do Rei. Além disso, foi premiado como melhor do jogador do mundo pela FIFA e pela Revista France Footbal.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host