UOL Esporte Futebol
 
11/01/2010 - 17h43

Após derrota, Argélia reclama de horário de jogo contra Maláui

Das agências internacionais
Em Luanda (Angola)

Surpreendida com uma derrota por 3 a 0 para Maláui em sua estreia na Copa Africana de Nações, nesta segunda-feira, a Argélia encontrou um “culpado”: o horário do jogo. O treinador Rabah Saadane gostaria que a partida fosse um pouco mais tarde para fugir do calor.

A partida, disputada em Luanda, começou às 14h45 locais (11h45 no horário de Brasília). “Sofremos especialmente por jogar a esta hora. Teria sido melhor que a partida fosse mais tarde”, disse o técnico.

Apesar das reclamações quanto ao horário, Saadane reconheceu os erros da equipe. “Maláui nos colocou em uma situação delicada. Nunca é bom perder este tipo de partida. Cometemos falhas e não soubemos reagir depois do primeiro gol”, analisou.

O capitão Yazid Mansour seguiu linha parecida à do treinador. “Maláui lidou melhor com o calor do que nós. Ainda assim, a derrota nos servirá para os próximos jogos. Será difícil contra Mali, mas jogaremos melhor do que hoje”, afirmou.

A Argélia volta a jogar pelo grupo A da Copa Africana na quarta-feira. O duelo contra Mali, pelo menos, será em um horário mais “agradável” para os argelinos: às 17h locais (14h no horário de Brasília).

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host