UOL Esporte Futebol
 
17/01/2010 - 19h01

Veterano Júnior não esconde preferência por atuar como meia

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
  • O lateral Júnior demonstra preferência em atuar como meia

    O lateral Júnior demonstra preferência em atuar como meia

O veterano Júnior, que nos dois jogos-treinos realizados pelo Atlético-MG começou no meio-campo do time reserva, se coloca à disposição do técnico Vanderlei Luxemburgo para atuar como meia ou como lateral-esquerdo, sua função de origem, mas não esconde a predileção pela armação.

“Foi experiência boa, ano passado, jogar na meia. Eu não esperava render tanto na meia, que para mim era posição nova e jogando um campeonato tão difícil como o Brasileiro. É uma posição que me agrada muito”, reconheceu Júnior, que viveu seus melhores momento no Atlético, em 2009, no meio-campo.

Escalado como jogador de criação pelo então técnico Celso Roth, Júnior ajudou o Atlético a liderar o Campeonato Brasileiro no primeiro turno. Depois, no returno da competição, o jogador saiu dos planos daquele treinador e terminou o ano praticamente encostado.

“Quando saí de férias não tinha perspectiva de nada, contrato acabando, quando veio Luxemburgo e ele querendo contar com o meu futebol no Galo, a expectativa de 2010 junto com Luxemburgo, é muito boa”, salientou.

“As coisas aconteceram em 2009 de forma que não desejava, graças a Deus veio treinador que confia no meu futebol ainda, fiquei e espero contribuir ao máximo para conseguir títulos, porque onde passei consegui títulos e espero aqui também”, acrescentou.

Dizendo-se motivado, Júnior garante que poderá atuar também como lateral-esquerdo. “O Luxemburgo já conversou comigo e vai querer me usar nas duas posições, tanto na lateral como no meio. Nas duas, em qualquer posição em que o Luxemburgo precisar eu vou estar à disposição”, destacou.

Além de se colocar à disposição para jogar nas duas funções, Júnior está disposto a colaborar com a sua experiência, ajudando a orientar os mais jovens. “O Luxemburgo gosta de pessoas vencedoras no seu grupo, jogadores experientes, com boas passagens em outros grupos, não só eu, como Ricardinho”, disse Júnior.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host