UOL Esporte Futebol
 
20/01/2010 - 14h57

Triste por deixar o Sport, Luciano Henrique desabafa: "não queria isso agora"

Do UOL Esporte
Em São Paulo

A novela envolvendo a renovação de contrato do meia Luciano Henrique com o Sport finalmente chegou ao fim. O presidente Silvio Guimarães desistiu de contar com o jogador em 2010 após uma conversa com o departamento médico do clube, que projetou mais 70 dias para a recuperação total do atleta. Bastante desapontado, o jogador disse que o pensamento era de continuar.

“Infelizmente eu estou de saída, fico muito triste por isso, pois não queria isso agora, o pensamento era de continuar, ajudar o clube a subir para a primeira divisão, de ser campeão Pernambucano novamente e se Deus quiser da Copa do Brasil, mas infelizmente na conversa que eu tive com o presidente ele me falou, que devido a minha lesão, o clube não iria renovar comigo”, desabafou o jogador, em entrevista à rádio Jornal, de Recife.

Luciano Henrique é um dos ídolos da torcida do Sport, o jogador, que atuou em mais de cem jogos com a camisa da equipe pernambucana, foi o autor do gol to título rubro-negro na Copa do Brasil de 2008. Com uma fissura por estresse na tíbia, o meia foi submetido a uma cirurgia no final de novembro do último ano.

No final de 2009, Luciano Henrique chegou a ser anunciado como jogador do Vitoria pelo próprio presidente da equipe baiana, porém a negociação não aconteceu. Ainda no ano passado o jogador recusou uma proposta do Bahia e resolveu permanecer no Sport. Agora sem clube, o jogador quer terminar sua recuperação e ter o mesmo sucesso que alcançou no Sport em outra equipe.

“Eu creio que em mais uns 30 ou 40 dias já devo estar bem para jogar, se ocorrer tudo certinho. Agora eu preciso me preparar para defender outra equipe e se Deus quiser ter o mesmo sucesso que tive aqui no Sport”, declarou Luciano Henrique, que, mesmo sem contrato, vai continuar sua fase de recuperação na Ilha do Retiro.

Ainda na última terça-feira a diretoria do Sport confirmou que os volantes Hamilton e Andrade não fazem parte dos planos para 2010. O primeiro disse que tinha acertado com o Goiás, o que não aconteceu, e não quis renovar, o segundo, tem contrato até dia 20 de agosto e abandonou o clube no último Brasileirão, para se transferir para o Vitória, que também não concretizou. O técnico Givanildo Oliveira disse que nenhum dos dois atletas estavam nos planos dele.

“A conta foi feita com os dois fora e o Luciano Henrique também. Sobre o Luciano, o que me passaram do departamento médico ele só estaria liberado lá para o final de março, início de abril, então para o Estadual não iria contar. Agora mais para frente, se houver necessidade nós pedimos para contratar mais um meia”, explicou.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host