UOL Esporte Futebol
 
12/02/2010 - 07h13

Cicinho vai na contramão de repatriados e descarta jogar a Copa do Mundo

Bruno Império
Em São Paulo

Os principais jogadores repatriados recentemente pelos clubes brasileiros chegaram ao país com o discurso de que estavam voltando para tentar uma vaga na Copa do Mundo de 2010. Este não é o caso de Cicinho. O lateral que foi reserva no Mundial de 2006 se apresentou na última quinta-feira no São Paulo e até falou que almeja retornar para a seleção, mas não acredita que terá espaço no time de Dunga que vai à África do Sul.

“Quero voltar a jogar na seleção brasileira, mas neste momento não é meu principal objetivo. Tenho que jogar bem aqui no São Paulo e, se eu conseguir demonstrar meu melhor futebol aqui, voltarei para a seleção e serei aquele lateral que todos queriam ver jogando na seleção”, disse o lateral-direito.

Atualmente, a lateral direita é uma das funções na qual o técnico Dunga menos tem dúvidas. Maicon está firme como titular da equipe. Na reserva, Daniel Alves agradou por também atuar em outras posições. A dupla também tem o aval de Cicinho: “Eles estão jogando bem na seleção. Merecem estar lá. Não é momento para se falar de Cicinho na seleção”.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host