UOL Esporte Futebol
 
18/02/2010 - 14h48

Blatter crê que terá concorrente asiático na disputa pela presidência da Fifa

Das agências internacionais
Em Zurique (Suíça)

Nesta quinta-feira, Joseph Blatter afirmou que terá a concorrência de um asiático na disputa pela presidência da Fifa. As eleições na entidade estão marcadas para 2011 e o suíço tentará se reeleger.

“Haverá candidatos à presidência da Fifa em 2011, da Ásia”, disse Blatter a jornalistas, mas sem fornecer maiores detalhes. O suíço, de 73 anos, foi eleito presidente da entidade em 1998. Desde então, ele foi reeleito duas vezes para o cargo.

Na edição desta quinta do diário britânico The Guardian, Mohamed Bin Hammam, presidente da Confederação Asiática (AFC), disse que proporá uma mudança. O qatariano defende a ideia de que o presidente da Fifa fique no máximo oito anos no cargo. Ele disse contar com o apoio de outros membros do comitê executivo da entidade, que se reunirá em março.

“Acredito que oito anos sejam suficientes para um presidente se focar no futebol. Insistirei para que nenhum futuro presidente fique mais do que este período. Espero que esta proposta seja apoiada e aceita”, afirmou Bin Hammam.

Antes de Blatter assumir a presidência da Fifa, outro dirigente ocupou o cargo por um longo período: o brasileiro João Havelange, que ficou 24 anos à frente da entidade.

Bin Hammam não comentou se estaria ou não interessado em substituir Blatter. “Ainda é muito cedo para decidir. Há muito mais do que um candidato asiático em potencial que pode exercer a função. No entanto, quando houver uma decisão, vamos apoiá-lo”, completou.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host