UOL Esporte Futebol
 

11/03/2010 - 09h05

Presidente do Palmeiras, Belluzzo terá recurso julgado nesta quinta pelo STJD

Da Folhapress
Em São Paulo

O presidente do Palmeiras, Luiz Gonzaga Belluzzo, terá seu recurso julgado nesta quinta-feira pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), no Rio. A ação refere-se à suspensão de 270 dias imposta ao dirigente em novembro do ano passado por conta das declarações que o palmeirense fez contra o árbitro Carlos Eugênio Simon e o próprio tribunal.

Após a partida contra o Fluminense, válida pelo segundo turno do Brasileiro, Belluzzo classificou Simon -que anulou um gol de Obina- como "ladrão" e "crápula" e disse que, caso o encontrasse, iria agredi-lo. O presidente também levantou suspeitas sobre o julgamento em que o atacante Vagner Love foi punido com dois jogos de suspensão.

O cartola poderia ter sido punido com mais de seis anos de suspensão. Nesta quinta, a defesa pedirá a anulação da pena. Segundo o assessor da presidência, Antônio Corcione, espera-se que o gancho caia para 90 dias. Como Belluzzo já cumpriu esse tempo, ficaria livre, entre outras coisas, para representar o clube nos estádios e assinar contratos com atletas.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host