UOL Esporte Futebol
 
EFe/Nick Wilkinson

Fernando Torres (e) e Lucas comemoram na goleada do Liverpool sobre o Benfica

08/04/2010 - 17h59

Lucas marca, Liverpool goleia o Benfica e pega o Atlético de Madri na semi

Do UOL Esporte
Em São Paulo

O Liverpool afastou a possibilidade de fracassar em mais uma competição nesta temporada. Com gol do brasileiro Lucas, a equipe inglesa goleou o Benfica por 4 a 1, no estádio Anfield, e, como havia perdido o jogo de ida por 2 a 1, assegurou presença na semifinal da Liga Europa. Seu rival será o Atlético de Madri, que ficou num empate sem gols diante do Valencia. O outro confronto será entre Hamburgo e Fulham.

  • AP Photo/Geert Vanden Wijngaert

    Em Liege (Bélgica), o time da casa não conseguiu segurar o Hamburgo, que venceu por 3 a 1 e agora pegará o Fulham nas semifinais da Liga Europa

A classificação é um alívio para o Liverpool. Até então, o time de Rafa Benitez vem acumulando decepções: já havia sido eliminado da Copa da Liga Inglesa e da Copa da Inglaterra. Por outro lado, luta para assegurar apenas a quarta colocação do Campeonato Inglês e alcançar uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. Diante disso, a expectativa era que não decepcionasse no torneio continental.

Teoricamente, a tarefa não era tão complicada. Bastava uma simples vitória por 1 a 0 para chegar às semifinais. Mas encontrou muitas dificuldades no começo da partida. O Benfica adiantou sua marcação e conseguiu anular os principais nomes do rival, como Fernando Torres e Gerrard. Mesmo assim, o elenco inglês abriu o marcador.

Aos 26min, Kuyt aproveitou vacilo do brasileiro Julio César e, após cobrança de escanteio, fez 1 a 0. Na jogada, o assistente anotou uma irregularidade, mas o árbitro Bjorn Kuipers confirmou o tento. Apenas sete minutos mais tarde, o brasileiro Lucas foi lançado, driblou Julio César e ampliou para os donos da casa.

O Benfica precisava atacar. Mas parou na forte marcação inglesa e ainda dava espaços para o contra-ataque. Num deles, aos 13min da etapa final, Fernando Torres recebeu de Kuyt e anotou o terceiro. Por incrível que pareça, o time português “ressuscitou” com uma bela cobrança de falta batida por Cardozo, aos 24min. 3 a 1. Mas a esperança durou pouco. Aos 36min, Torres foi lançado e selou a goleada dos anfitriões.

Atlético leva a melhor em duelo espanhol
Com o resultado de 2 a 2, alcançado no estádio Mestalla, o Atlético de Madri entrou com certa tranquilidade para o jogo de volta. No entanto, não se mostrou a “jogar pelo regulamento” e partiu para cima do rival espanhol. Antes dos 15min, os madrileno criaram duas boas oportunidades, com Aguero e Forlán. O Valencia até tentou equilibrar.

O problema era que o seu sistema ofensivo estava decepcionando. Villa e Silva, por exemplo, quase não produziram. Para se ter ideia, o elenco visitante finalizou apenas duas vezes na etapa inicial. Pouca coisa mudou no segundo tempo. O Atlético de Madri manteve o controle da partida. Mesmo assim, quase sofreu um gol. Aos 35min, Villa acertou o travessão dos donos da casa, que, apesar do susto, confirmaram sua classificação.

Hamburgo avança, e Wolfsburg dá adeus
O futebol alemão tinha a possibilidade de fazer uma das semifinais da Liga Europa. Precisará se contentar com apenas um representante. É o Hamburgo, do brasileiro Zé Roberto, que derrotou o Standard por 3 a 1, fora de casa (no jogo de ida, 2 a 1 para o time alemão).

O destaque do confronto foi Petric, autor dos dois gols. Seu adversário será o surpreendente Fulham, que já havia desclassificado fortes equipes como Shakhtar Donetsk e, principalmente, a Juventus. Nesta quarta-feira, os ingleses foram até Wolfsburg e bateram o time de Josué e Grafite por 1 a 0. No primeiro jogo, o Fulham também ganhou (2 a 1).

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host