UOL Esporte Futebol
 
28/04/2010 - 13h37

De volta ao Atlético-PR, Claiton diz que temeu encerrar a carreira

Do UOL Esporte
Em Curitiba
  • Volante Claiton voltou aos treinos, após 8 meses de afastamento

    Volante Claiton voltou aos treinos, após 8 meses de afastamento

O volante Claiton, do Atlético-PR, disse que temeu não voltar mais a jogar futebol, devido ao rompimento do tendão de Aquiles, ocorrido na ano passado. Após duas cirurgias e oito meses de afastamento, o jogador voltou a treinar com bola nesta semana e deve estar apto para jogar no Campeonato Brasileiro.

Claiton, de 32 anos, retornou ao clube da Baixada, no meio do ano passado, após uma temporada no Japão, mas não reestreou com a camisa rubro-negra. Em julho, sofreu o rompimento do tendão, durante um treinamento, e passou quase um ano em recuperação.

“Temi por isso [encerrar a carreira] em vários momentos. Em novembro, quando tive que fazer outra operação, fiquei muito assustado. Depois, quando não conseguia andar também. Nesse momento o apoio dos fisioterapeutas e dos companheiros foi muito importante”, disse ele, em entrevista coletiva.

ATLÉTICO-PR NO TWITTER

Na terça-feira, o Predador, como é apelidado pela torcida, participou de seu primeiro treino com bola, depois de oito meses. “Foi uma fase difícil em que me apeguei muito à minha família. Minha esposa e filho estiverem comigo o tempo todo. Por isso, voltar a treinar com o grupo é uma emoção muito grande", disse.

O retorno do volante ao time é aguardado com expectativa, mas ele prefere não fazer previsões. "Eu não gosto de falar de previsão, porque a gente tinha feito uma previsão pra eu voltar em novembro e deu problema, então eu vou voltar quando estiver bem", disse em entrevista à Rádio Banda B.

 

 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host