UOL Esporte Futebol
 
Folha Imagem

Confusão que originou a denúncia contra Manoel e Danilo

05/05/2010 - 11h51

Advogado de Manoel espera julgamento 'difícil' nesta quarta no STJD

Do UOL Esporte
Em Curitiba
  • Confusão que originou a denúncia contra Manoel e Danilo

    Confusão que originou a denúncia contra Manoel e Danilo

O advogado Domingos Moro, que irá defender o zagueiro Manoel, do Atlético-PR, disse que espera um julgamento difícil, nesta quarta-feira, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O zagueiro será julgado, depois de ser denunciado pela confusão com Danilo, na partida com o Palmeiras, pela Copa do Brasil, em São Paulo.

"Os prognósticos para o julgamento são difíceis. Estamos preparados para uma punição. Caso isto aconteça, permaneceremos no Rio de Janeiro para ingressar com o recurso", disse o advogado à Rádio CBN.

Manoel acusa o palmeirense de chamá-lo de "macaco", mas também responde por "ato de hostilidade", ao tentar agredir com uma cabeçada e também por confessar ter pisado no adversário. Ele pode se suspenso por até seis partidas.

Moro disse que não acredita que o julgamento se encerre nesta quarta-feira, pois haverá recursos.

"Este processo, qualquer que seja o resultado, vai ter novos capítulos. A Procuradoria, não tenho dúvidas, vai recorrer para levar o caso ao Pleno do Tribunal. Este é apenas o terceiro capítulo. Haverá um quarto, com certeza", declarou.

O advogado defendeu uma "punição exemplar" para o zagueiro Danilo que é acusado de ato de racismo, por ter chamado Manoel de "macaco", fato que originou um queixa-crime do atleticano, na polícia de São Paulo.

"Está é a primeira vez que uma ofensa racial foi gravada no Brasil, com áudio claríssimo. Então, o tribunal, assim como foi rigoroso no caso do Coritiba [punido com 10 perdas de mandos], terá que ser também neste com uma punição exemplar ao Danilo", disse o Moro.


 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host