UOL Esporte Futebol
 
06/05/2010 - 13h59

Fundo de investimentos pode garantir permanência de C. Alberto no Vasco

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro
  • Meia Carlos Alberto é o capitão do time cruzmaltino

    Meia Carlos Alberto é o capitão do time cruzmaltino

Com dificuldades financeiras, um fundo de investimentos está sendo criado para ajudar o Vasco na sequência desta temporada. O negócio seria feito com empresários vascaínos e, no início, contaria com uma ajuda de R$15 milhões parta adquirir direitos econômicos de alguns jogadores e R$ 30 milhões no total. Carlos Alberto, que pertence ao Werder Bremen-ALE e terá seu contrato por empréstimo expirado no meio do ano, é uma das prioridades.

“O fundo é de 30 milhões. O aporte inicial seria de 15 milhões. Isso é um dinheiro para se comprar jogadores, comprar o direito econômico dos jogadores. Obviamente que essas pessoas são detentoras do direito econômico. Na venda, eles é que ganham. O Vasco ganha um percentual. As pessoas vão investir e terão o seu retorno”, disse o vice de finanças Nelson Rocha, complementando.

“Está tudo pronto lá e falta só se concretizar. Esse é um modelo que outras empresas desse segmento, algumas ligadas a alguns clubes, outras não, e alguns clubes, já estão fazendo. A gente está fazendo igual”, revelou Rocha, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

O VASCO NO TWITTER

De acordo com o dirigente, este grupo já vem se reunindo desde a temporada em 2009. Neste ano, uma reunião foi feita em março de 2010 e adiantou bastante o acordo. O dinheiro ajudaria na contratação de reforços para o Brasileiro.

O Vasco estreia na competição nacional neste domingo, diante do Atlético-MG, às 16h, no Mineirão. De reforços, nenhum ainda foi apresentado. Contudo, Zé Roberto, do Schalke 04-ALE, e Nunes, do Santo André, estão bem encaminhados.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host